Exportações chinesas de produtos com aço à América Latina sobem 11% em 2012

Santiago (Chile), 6 fev (EFE).- A China exportou à América Latina produtos que contêm aço por um valor total de US$ 45,602 milhões em 2012, 11% a mais que no ano anterior, informaram nesta quarta-feira fontes do setor.

Em comunicado, a Associação Latino-Americana do Aço (Alacero), uma entidade civil integrada por 52 empresas de 25 países, disse que o comércio indireto de aço à região representou 7% do total das exportações do gigante asiático.

Os principais produtos importados da China em 2012 foram automóveis e veículos comerciais (US$ 6,88 bilhões), máquinas de oficina (US$ 6,691 bilhões) e máquinas e equipamentos (US$ 5,416 bilhões).

Os produtos chineses que tiveram maior crescimento em suas exportações à América Latina foram ferrovias, com um aumento de 364%, latas e caixas de metal para embalagem (139%) e caldeiras e geradores a vapor (131%).

Por destino de exportações, o Brasil é o país da região que recebeu mais produtos com conteúdo de aço chinês (US$ 11,293 bilhões). Em seguida estão México (US$ 9,007 bilhões) e Venezuela (US$ 4,607 bilhões). Estes três países representaram 55% das exportações indiretas de aço da China à região no ano passado.

As empresas que fazem parte da Alacero produzem 95% do aço fabricado na América Latina, segundo essa associação. EFE

Carregando...