Mercado fechado
  • BOVESPA

    102.426,00
    -522,45 (-0,51%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.831,95
    -213,15 (-0,42%)
     
  • OURO

    1.861,20
    -0,20 (-0,01%)
     
  • BTC-USD

    54.919,54
    +484,83 (+0,89%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.402,14
    -65,80 (-4,48%)
     
  • S&P500

    4.704,54
    +15,87 (+0,34%)
     
  • DOW JONES

    35.870,95
    -60,10 (-0,17%)
     
  • FTSE

    7.255,96
    -35,24 (-0,48%)
     
  • HANG SENG

    25.319,72
    -330,36 (-1,29%)
     
  • NIKKEI

    29.683,09
    +84,43 (+0,29%)
     
  • NASDAQ

    16.494,75
    +13,50 (+0,08%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3313
    +0,0125 (+0,20%)
     

Ex-colega de Ruby Rose desmente atriz e a chama de "terrível" e "ditadora"

·4 min de leitura

Nesta semana, a atriz Ruby Rose utilizou as redes sociais para denunciar acidentes, maus tratos e um ambiente instável no set de gravações de Batwoman. E apesar disso, a The CW não havia se pronunciado até o momento. Mas uma nota divulgada exclusivamente ao CBR por um ex-colega de equipe da atriz, que atuou na produção como assistente de produção, conta um outro lado da história.

"Quando eu entrei na indústria, eu tive muita sorte de entrar em certos programas como Supergirl, Sabrina e alguns filmes, mas o destaque de minha entrada no cinema foi Batwoman na primeira temporada", começou o CEO e fundador da Constellate Films, Alexander J. Baxter, na declaração para o portal estrangeiro. "Eu era um ator, aspirando saber mais sobre a indústria cinematográfica, e quando o trabalho apareceu fiquei tão animado, sendo um fã da DC e um grande fã da Warner Bros, agarrei a oportunidade".

Na nota, Alexander revela que a equipe era profissional e dedicada, além de topar realizar inúmeras filmagens noturnas, tornando tudo uma experiência incrível. No entanto, o executivo revela que tudo mudou quando Ruby Rose adentrou o elenco de Batwoman. "Minha filosofia era que eu poderia aprender o máximo que pudesse no set e depois fazer meus próprios filmes. Mal sabia eu do inferno e como isso me afetava nesses sets", revela. "Desde o primeiro dia [de Ruby Rose], onde sua suposta lesão a impediu de fazer 60% de seu trabalho, ela começou seu primeiro dia no programa sem reconhecer um único membro da equipe além de qualquer pessoa superior".

Nem um lado e nem o outro: estaria todo mundo errado nessa história? (Imagem: Divulgação / The CW)
Nem um lado e nem o outro: estaria todo mundo errado nessa história? (Imagem: Divulgação / The CW)

"Com o passar dos dias, os sábados de 18 horas para alguns de nós e para a equipe de produção, as coisas pioraram. Ela chegava tarde na maioria dos dias, não tinha suas falas memorizadas e sempre que interagia com alguém que não era um superior, como assistente de produção, equipe LX, grips, era como se estivéssemos sob seus pés. Ela saiu do set, gritou com as pessoas e sempre que interagia com qualquer um de nós, assistentes de produção, éramos desconsiderados como lixo", revelou.

Alexander ainda aproveita o texto para relembrar de uma situação em que a equipe ficou a manhã inteira preparando um estúdio com tela verde sob as exigências de Ruby Rose, que incluia seis aquecedores no ambiente. "Então, eu estava segurando uma porta aberta para ela, depois de ter trabalhado mais de 15 horas no frio congelante, e ela veio passando pela porta que eu tinha acabado de abrir e derrubou a comida. Ela olhou para a comida, depois para mim e disse: "então?" e saiu furiosa, me deixando para limpar sua bagunça. Essa é a sensação de trabalhar com Ruby Rose: limpar sua bagunça. Ela nunca nos agradecia, apenas fazia exigências que nos deixavam exaustos emocional e fisicamente", relatou.

(Imagem: Divulgação / The CW)
(Imagem: Divulgação / The CW)

No próximo parágrafo, o executivo chama Ruby Rose sem hesitar de "ditadora", referindo-se à sua postura no trabalho.

"Tendo sido apenas uma assistente de produção ansioso para entrar na indústria, ela me fez pensar em desistir. Se esta era a indústria em que eu iria entrar, eu com certeza não iria funcionar para tiranos", continuou. Alexander ainda relata que chegou a conhecer uma das amigas próximas de Ruby Rose, que o revelou passar noites e noites com a atriz em festas regadas a álcool e drogas, "curiosamente, os dias em que ela chegava 8 horas atrasada no set, eram os dias que ela comentou comigo. Ela não se importava quanto tempo passávamos esperando por ela e nos certificávamos de que tudo estava perfeito e pronto, ela apenas se preocupava com seu estilo de vida pessoal regado a festa".

"Trabalhamos longos e incontáveis ​​dias, sempre entrando em horas extras porque ela estava atrasada ou fora da agenda, ou por alguma outra razão relacionada a ela não querer estar lá. Desde o momento em que começamos o show, ela deixava cada pessoa que aparecia inquieta e sem apoio", desabafou o assistente. "Ela era uma estrela horrível e fez muitos de nós sentirmos que estávamos ajudando a fazer um show para um ditador".

Alexander ainda afirma ter lido todo o texto que Ruby Rose publicou em suas redes sociais. "Fiquei furioso porque, por ter estado lá, não quero ficar parado e deixá-la falar mal de uma empresa que ela tentou estragar. Não importa o quão ruim seja o seu dia, você não tem o direito de ser cruel. E a primeira temporada [de Batwoman] foi seu reinado de crueldade", finalizou.

(Imagem: Divulgação / The CW)
(Imagem: Divulgação / The CW)

Ruby Rose anunciou que deixaria a produção de Batwoman em maio de 2020, alegando não estar 100% recuperada de sua lesão que sofreu no set de gravação e ainda detalhando sobre a carga excessiva de filmagens. A atriz chegou a voltar a falar sobre isso em entrevistas para veículos da imprensa e demonstrou publicamente apoio para Javicia Leslie, a nova mulher-morcego.

A atriz não chegou a revelar um ambiente tóxico para se trabalhar até agora, mas, em seu Instagram, deixou diversos registros do quão pesada era a rotina no set e o descaso dos superiores com ela e outros membros da equipe. Nem Ruby Rose e nem a The CW chegaram a se pronunciar sobre a declaração de Alexander.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos