Mercado abrirá em 7 h 42 min
  • BOVESPA

    109.101,99
    +1.088,52 (+1,01%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.508,35
    -314,88 (-0,60%)
     
  • PETROLEO CRU

    86,29
    -0,61 (-0,70%)
     
  • OURO

    1.840,80
    -1,80 (-0,10%)
     
  • BTC-USD

    38.803,23
    -3.126,86 (-7,46%)
     
  • CMC Crypto 200

    916,29
    -78,97 (-7,93%)
     
  • S&P500

    4.482,73
    -50,03 (-1,10%)
     
  • DOW JONES

    34.715,39
    -313,26 (-0,89%)
     
  • FTSE

    7.585,01
    -4,65 (-0,06%)
     
  • HANG SENG

    24.766,26
    -186,09 (-0,75%)
     
  • NIKKEI

    27.291,05
    -481,88 (-1,74%)
     
  • NASDAQ

    14.662,50
    -178,50 (-1,20%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1373
    +0,0072 (+0,12%)
     

Exército auxilia vacinação no Quebec ante aumento dos casos de Covid

·1 min de leitura
(Nov/21) Enfermeira prepara dose de vacina contra a Covid para crianças em Montreal, Quebec (AFP/Andrej Ivanov)

O Exército canadense foi destacado nesta segunda-feira para apoiar a logística da campanha de vacinação contra a Covid-19 no Quebec, em meio ao forte aumento das infecções relacionadas à variante Ômicron.

“Devido à aprovação do pedido de ajuda federal do Quebec, membros das Forças Armadas canadenses darão início hoje à sua mobilização, a fim de apoiar a campanha de vacinação na província”, anunciou no Twitter o ministro federal de Defesa Civil, Bill Blair.

“A pedido da província e de acordo com a sua prioridade, estamos nos concentrando na região de Montreal no momento”, informou o tenente Daniel Alejandro Pineda, oficial do Ministério da Defesa, em resposta enviada por e-mail à AFP.

De acordo com a imprensa local, cerca de 200 militares devem chegar a diferentes centros de vacinação, onde ficarão encarregados de tarefas como orientar os pacientes durante a vacinação, além de desinfetar os espaços, explicou Pineda.

Quebec, que fez a solicitação no mês passado, enfrenta uma escassez de funcionários em seu sistema de saúde, agravada pela pandemia. “A Ômicron ameaça a capacidade hospitalar do Quebec. Temos que acelerar a vacinação”, tuitou a ministra de Segurança Pública da província, Geneviève Guilbault.

A mobilização na véspera do início da aplicação da dose de reforço na população entre 18 e 59 anos, segundo um calendário decrescente que se estende ao longo de janeiro de acordo com a idade.

O Quebec registrou hoje 15.293 novos casos da doença e 15 mortes. O país reportou recordes de infectados nos últimos dias.

ast/rle/atm/dl/lb

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos