Mercado fechará em 1 h 15 min
  • BOVESPA

    120.994,79
    +1.074,18 (+0,90%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.236,10
    +301,19 (+0,62%)
     
  • PETROLEO CRU

    64,84
    +0,13 (+0,20%)
     
  • OURO

    1.831,90
    +16,20 (+0,89%)
     
  • BTC-USD

    57.986,80
    +2.330,58 (+4,19%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.497,41
    +61,63 (+4,29%)
     
  • S&P500

    4.228,19
    +26,57 (+0,63%)
     
  • DOW JONES

    34.750,85
    +202,32 (+0,59%)
     
  • FTSE

    7.129,71
    +53,54 (+0,76%)
     
  • HANG SENG

    28.610,65
    -26,81 (-0,09%)
     
  • NIKKEI

    29.357,82
    +26,45 (+0,09%)
     
  • NASDAQ

    13.694,25
    +96,50 (+0,71%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3519
    -0,0147 (-0,23%)
     

Ubuntu 21.04 tem um problema e é melhor evitá-lo, ao menos por enquanto

Alveni Lisboa
·2 minuto de leitura

Os desenvolvedores do Ubuntu estão pedindo a todos os usuários que não atualizem suas instalações da versão 20.10 para a recém-lançada 21.04. O alerta foi dado pelo bugmaster do Ubuntu, Brian Muray, em um post na lista de discussão dos desenvolvedores do sistema operacional.

O motivo é um problema grave no shim, que pode impedir a inicialização em máquinas equipadas com Extensible Firmware Interface (EFI). Conforme mencionado nas notas de lançamento do Hirsute Hippo, a versão atual do shim no Ubuntu 21.04 não é compatível com o EFI versão 1.10, o que tornará esses computadores, na maioria mais antigos, não-inicializáveis após a atualização.

Incompatibilidade pode causar problemas de inicialização do Ubuntu 21.04 (Imagem: Reprodução/Canonical)
Incompatibilidade pode causar problemas de inicialização do Ubuntu 21.04 (Imagem: Reprodução/Canonical)

Essa falha já foi relatada pelo usuário Balint Reczey, que teve o problema em um MacBook Air de 2012. Para recuperar, Reczey teve que voltar a usar a instalação antiga para sobrescrever alguns arquivos, desgaste que os desenvolvedores obviamente querem evitar.

De forma simplificada, o shim é um “pré-bootloader” que roda em sistemas UEFI, cujo objetivo é executar um pedaço de código assinado pela Microsoft e incorporar os certificados que assinam os binários GRUB, para que possa carregar o bootloader "real". Quando apresenta problema, a cadeia de dados que depende dele é interrompida e o sistema não inicia.

Só atualize quando a Canonical mandar

A situação é tão delicada que os criadores desabilitaram a ferramenta de atualização e solicitam que ninguém faça o upgrade manual. Normalmente, assim que uma nova versão está disponível, os usuários recebem uma notificação para atualizar com apenas um clique.

Murray destaca que os desenvolvedores vão reabilitar as notificações de atualização assim que uma nova versão do shim funcionar com o EFI 1.10. Por enquanto, não há previsão de quando isso deve ocorrer, então o jeito é aguardar com a versão antiga.

Lançado na semana passada pela Canonical, o Ubuntu 21.04 traz como um de seus principais destaques o protocolo de servidor gráfico Wayland ativado por padrão. Isso deve tornar o visual do sistema mais suave e fluido. O sistema incorpora o kernel Linux 5.11, o mais recente disponível neste momento, além de aprimorar o gerenciamento de energia com um “power mode”.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: