Mercado fechará em 2 h 10 min
  • BOVESPA

    107.292,63
    -1.649,05 (-1,51%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.365,56
    -1.233,82 (-2,39%)
     
  • PETROLEO CRU

    82,55
    -2,59 (-3,04%)
     
  • OURO

    1.833,40
    +1,60 (+0,09%)
     
  • BTC-USD

    34.147,64
    -1.124,75 (-3,19%)
     
  • CMC Crypto 200

    776,75
    -33,85 (-4,18%)
     
  • S&P500

    4.243,50
    -154,44 (-3,51%)
     
  • DOW JONES

    33.297,63
    -967,74 (-2,82%)
     
  • FTSE

    7.307,71
    -186,42 (-2,49%)
     
  • HANG SENG

    24.656,46
    -309,09 (-1,24%)
     
  • NIKKEI

    27.588,37
    +66,11 (+0,24%)
     
  • NASDAQ

    13.947,50
    -479,00 (-3,32%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2358
    +0,0458 (+0,74%)
     

Eventos astronômicos de 2022: chuvas de meteoros, eclipse lunar e muito mais!

·9 min de leitura

Entre os eventos astronômicos de 2022, podemos esperar por fenômenos incríveis como eclipses, chuvas de meteoros, belas conjunções planetárias e muito mais. Boa parte desses fenômenos será visível a olho nu, enquanto outros serão melhor apreciados com um par de binóculos especiais para astronomia.

Confira, então, os eventos astronômicos que serão o destaque de cada mês de 2022!

Eventos astronômicos de janeiro de 2022

Mercúrio mais longe do Sol (7)

Mercúrio é visto com uma pequena cauda (Imagem: Reprodução/Jeff Baumgartner/Boston University)
Mercúrio é visto com uma pequena cauda (Imagem: Reprodução/Jeff Baumgartner/Boston University)

O primeiro e menor planeta do Sistema Solar nem sempre pode ser observado a olho nu, mas nesta data ele estará em máxima elongação leste, ou seja, formará um triângulo com a Terra e o Sol que o tornará mais visível a olho nu. Na verdade, é o ponto mais distante do Sol do nosso ponto de vista, por isso você poderá encontrá-lo facilmente no pôr-do-Sol.

Mercúrio costuma ficar nessa posição (seja no leste ou oeste em relação à linha entre Terra-Sol) uma vez por mês. Se você gosta de observar os planetas, vale ficar atento para quando a elongação máxima ocorrerá, pois não é sempre que podemos ver o mais interno dos mundos de nosso Sistema Solar.

1ª Lua Cheia de 2022 (17)

A Lua cheia entre algumas nuvens noturnas (Imagem: Reprodução/harrycollinsphotography/Envato)
A Lua cheia entre algumas nuvens noturnas (Imagem: Reprodução/harrycollinsphotography/Envato)

A primeira Lua Cheia do ano é conhecida como "Lua do Lobo", em culturas do Hemisfério Norte, mas isso não significa nada de excepcional para nós, na América do Sul. Ainda assim, a Lua Cheia é sempre uma visão magnífica, se as condições climáticas forem favoráveis.

Eventos astronômicos de fevereiro de 2022

Vênus em seu brilho máximo (9)

Vênus aparece nesta data com magnitude aparente de -4,6, o momento de maior brilho deste planeta durante o ano de 2022. Se você puder observá-lo no final da madrugada, melhor ainda; ele subirá do horizonte Leste, no mesmo lugar onde nasce o Sol, às 04h40.

Mercúrio visível e conjunção com Marte, Vênus e Lua (16)

Mais uma oportunidade de observar o planeta, dessa vez formando o triângulo com o Sol e a Terra no lado oeste. Estará visível ao leste, antes do amanhecer. Aliás, por volta das 4h30, encontraremos Mercúrio, Vênus e Marte relativamente próximos.

Eventos astronômicos de março de 2022

Conjunção Lua, Marte, Saturno e Vênus (27)

Visão dos planetas no dia 27 de março, às 4h50 (Imagem: Reprodução/Stellarium)
Visão dos planetas no dia 27 de março, às 4h50 (Imagem: Reprodução/Stellarium)

Ainda perto um do outro, Marte e Vênus entrarão em conjunção com Saturno e a Lua crescente. Você poderá observar melhor este momento a partir das 3h45.

Eventos astronômicos de abril de 2022

Conjunção Marte e Saturno (4, 5)

Os dois planetas estão bem pertinho um do outro, com Vênus brilhando logo abaixo com magnitude de -4.33.

Nessas mesmas datas, também veremos a Luz Cinérea, ou Brilho de Da Vinci, que é quando a parte escura da Lua se torna visível. Se você olhar a Lua Crescente, verá que o lado não iluminado pelo Sol apresentará um brilho tênue, causado pelo reflexo das nuvens de nosso planeta sobre a superfície lunar.

Pico da Chuva de Meteoros Líridas (22)

Chuva de meteoros de 2009 (Imagem: Reprodução/NASA/JPL)
Chuva de meteoros de 2009 (Imagem: Reprodução/NASA/JPL)

Abril é mês da chuva de meteoros Líridas, que pode produzir até 100 meteoros por hora. A primeira chuva do ano é um tanto imprevisível, mas pode gerar uma grande quantidade de meteoros por hora.

Luz cinérea (26,27)

O Brilho de da Vinci, descrito pela NASA como um "brilho assustadoramente bonito", poderá ser visto novamente nessa data. Quando percebeu o fenômeno, da Vinci afirmou que o brilho é o reflexo do Sol rebatido pelos oceanos da Terra. Levou 500 anos até que os cientistas descobrissem que são as nuvens do nosso planeta as responsáveis. Quando temos um aumento da nebulosidade, ele fica mais visível.

Conjunção Júpiter e Vênus e eclipse solar (30)

Dessa vez, Vênus estará juntinho de Júpiter, a partir das 3h45 da madrugada do dia 30. Saturno e Marte ainda estarão por ali, a poucos graus de distância. Durante a tarde, acontece um eclipse solar parcial, visível para parte do Brasil.

No eclipse, a Lua passará na frente do Sol, criando uma sombra sobre o disco solar. Começará às 15:47 e terminará às 19:37 -03, mas nem todas as regiões verão o evento durante todo esse tempo. Na região Sul, por exemplo, não será muito perceptível. No céu brasileiro, o Sol será eclipsado em no máximo 4%.

Eventos astronômicos de maio de 2022

Eclipse lunar (Imagem: Reprodução/Observatório Alma/Pablo Carrillo)
Eclipse lunar (Imagem: Reprodução/Observatório Alma/Pablo Carrillo)

Pico Chuva de Meteoros Eta Aquáridas (6)

Por volta dessa data, a segunda chuva do ano atingirá o pico. Ela é produzida por fragmentos do Cometa Halley e tem uma taxa razoável de 50 meteoros por hora. O melhor momento para observá-la será durante a madrugada.

A Eta Aquáridas vem com alta velocidade nos meteoros, que viajam a cerca de 66 km/s e costumam deixar um rastro brilhante de permanência prolongada no céu. Embora eles pareçam se originar do mesmo ponto — a constelação de Aquário —, você não precisa olhar diretamente apenas para essa direção. Aliás, se o fizer, poderá perder os meteoros que criam as faixas brilhantes mais longas no céu.

Eclipse Lunar Total (16)

O eclipse lunar total será visível Nas Américas do Norte e do Sul, Europa, África, e partes da Ásia. E sim, poderemos assistir ao espetáculo aqui no Brasil. O eclipse total durará das 00h30 às 01h54, mas a Lua também será parcialmente eclipsada entre 23:28 e 02:55.

Conjunção Júpiter e Marte (28, 29)

Agora e a vez do gigante gasoso e do Planeta Vermelho entrarem em conjunção. Ambos são bem visíveis a olho nu.

Eventos astronômicos de junho de 2022

Superlua (14)

A primeira Superlua do ano será em junho, pouco antes do Solstício de inverno (o dia mais curto do ano; não que você sentirá alguma diferença real em sua percepção de tempo). Trata-se de uma Lua Cheia que ocorre quando nosso satélite natural está em seu ponto orbital mais próximo da Terra. Isso pode aumentar sutilmente seu diâmetro e brilho.

Essa aproximação máxima é chamada de perigeu e acontece porque a órbita lunar é ligeiramente elíptica; portanto, há momentos em que ela se aproxima e, em outros, ela se afasta.

Eventos astronômicos de julho de 2022

Comparação de uma superlua com uma microlua (Imagem: Reprodução/Vox)
Comparação de uma superlua com uma microlua (Imagem: Reprodução/Vox)

Superlua (13)

Mais uma Superlua para chamar nossa atenção. Sempre que a Lua está a cerca de 363.300 km de distância da Terra, já podemos dizer que há uma Superlua no céu noturno. O evento não é exatamente raro, mas em 2022 acontecerá apenas duas vezes (desconsiderando duas Superluas Novas, que não são visíveis).

Chuva de Meteoros Delta Aquáridas Austrais (29)

A Delta Aquáridas terá a taxa de meteoros por hora no ponto máximo na madrugada de 28 para 29 de julho. Entretanto, mesmo alguns dias antes e depois, a chuva proporciona uma boa quantidade de "estrelas cadentes".

Existem dois radiantes para essa chuva, o boreal (mais visível no hemisfério Norte) e o austral (mais visto no hemisfério Sul). Para nossa sorte, o segundo é o mais ativo dos dois, com taxas que variam de 13 a 30 meteoros por hora. Seus meteoros são amarelos ou amarelo-azulados, com traços longos e não muito brilhantes, e riscam o céu em velocidades moderadas.

Eventos astronômicos de agosto de 2022

Chuva de meteoros Perseidas (12)

A chuva de meteoros Perseidas pode ter boas chances de oferecer 100 meteoros por hora. Essa chuva, causada por grãos minúsculos deixados pelo cometa 109P/Swift-Tuttle em suas passagens perto do Sol, trará meteoros com velocidade de até 60 km/s e rastros que duram alguns segundos.

Eventos astronômicos de setembro de 2022

Não há destaques para este mês.

Eventos astronômicos de outubro de 2022

O cometa P1/Halley é responsável pelas chuvas de meteoro Eta Aquáridas e Oriônidas (Imagem: Reprodução/W. Liller/NASA)
O cometa P1/Halley é responsável pelas chuvas de meteoro Eta Aquáridas e Oriônidas (Imagem: Reprodução/W. Liller/NASA)

Chuva de Meteoros Oriônidas (21)

Os Oriônidas são meteoros rápidos, com velocidade de até 66 km/s. Isso garante rastros luminosos longos e persistentes. Tem uma taxa média modesta, de apenas 20 meteoros por hora, mas já surpreendeu os observadores com cerca de 60 meteoros/hora.

Você poderá começar suas observações por volta das 23h, e esperar pacientemente durante toda a madrugada, mas o melhor momento será às 5h, porque o radiante (o pondo de onde os meteoros parecem vir) estará mais alto no céu neste horário.

Eventos astronômicos de novembro de 2022

Chuva de meteoros Táuridas (5)

A chuva de meteoros Táuridas é um dos sistemas mais interessantes do ano, porque apresenta meteoros nas cores laranja, vermelho e amarelo. Além disso, o sistema talvez tenha a maior duração de visibilidade geral.

Essa chuva é dividida em do Táurida do Norte e Táurida do Sul, mas esses nomes não têm muito a ver com os locais onde eles podem ser vistos, e sim onde ficam os radiantes. O radial da chuva do norte fica um pouco mais ao lado, em direção ao norte. O pico da Táuridas do Norte acontecerá mais tarde neste mesmo mês.

Eclipse Lunar Total (8)

Animação mostra como eclipse lunar total acontece (Imagem: Reprodução/NASA)
Animação mostra como eclipse lunar total acontece (Imagem: Reprodução/NASA)

O eclipse de novembro será visível em qualquer lugar onde a Lua estiver acima do horizonte. Infelizmente isso exclui boa parte do Brasil, principalmente na faixa leste — todo o litoral e a região Centro-oeste.

Nessa mesma data, um pouco mais cedo, quando a Lua estiver mais alta no céu, poderemos ver a Lua e Urano bem pertinho um do outro. Já no dia seguinte (9), Urano estará em oposição, ou seja, mais próximo da Terra e visível durante toda a noite.

Pico Chuva de Meteoros Leônidas (17)

A chuva de meteoros Leônidas, associada à passagem do cometa 55P/Tempel-Tuttle, pode apresentar boas surpresas, com seus meteoros mais lentos “voando” pela atmosfera a uma velocidade de cerca de 12 km/s. Para o Brasil, o recomendável é tentar observar durante a madrugada.

Eventos astronômicos de dezembro de 2022

Um meteoro solitário risca o céu noturno (Imagem: Reprodução/Neale LaSalle/Pexels)
Um meteoro solitário risca o céu noturno (Imagem: Reprodução/Neale LaSalle/Pexels)

Chuva de meteoros Gemínidas (14)

Embora a Geminídeas possa ser melhor observada durante a madrugada, poderemos encontrar alguns meteoros a partir das 21h30, aproximadamente. Essa é a última chuva do ano, e pode trazer algumas surpresas. Essa é a única chuva causada por um asteroide, e não um cometa. Nesse caso, o asteroide 3200 Faetonte.

A chuva Gemínidas é seguida pelo Solstício de Verão no Hemisfério Sul (21), o dia mais longo do ano, e por uma Superlua Nova (23), que é quando a Lua Nova está mais próxima da Terra. Claro, por se tratar de uma Lua Nova não poderemos vê-la nesse dia, mas isso significa um céu livre de brilho lunar para apreciar a paisagem celeste antes das festas de Natal.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos