Mercado fechará em 2 h 12 min
  • BOVESPA

    111.361,18
    +688,42 (+0,62%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.411,73
    +9,03 (+0,02%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,63
    +0,67 (+0,81%)
     
  • OURO

    1.787,20
    +16,70 (+0,94%)
     
  • BTC-USD

    66.393,30
    +3.550,48 (+5,65%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.544,92
    +64,11 (+4,33%)
     
  • S&P500

    4.537,75
    +18,12 (+0,40%)
     
  • DOW JONES

    35.658,95
    +201,64 (+0,57%)
     
  • FTSE

    7.223,10
    +5,57 (+0,08%)
     
  • HANG SENG

    26.136,02
    +348,81 (+1,35%)
     
  • NIKKEI

    29.255,55
    +40,03 (+0,14%)
     
  • NASDAQ

    15.394,25
    -4,25 (-0,03%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4627
    -0,0335 (-0,52%)
     

Evans, do Fed, diz que inflação alta vai cair quando questões de gargalos forem resolvidas

·1 minuto de leitura
Evans, do Fed, em evento no México

(Reuters) - O presidente do Federal Reserve de Chicago, Charles Evans, afirmou nesta terça-feira que continua a acreditar que os gargalos de oferta estão por trás da maior parte do aumento recente da inflação, e embora esteja mais alta e possa durar mais tempo do que inicialmente calculado, vai diminuir.

A inflação projetada em 3,5% a 4% este ano "reduz a renda, salários e portanto isso é um problema e estamos definitivamente monitorando isso, mas não é realmente uma questão de política monetária, é uma questão de infraestrutura, oferta neste momento", disse Evans em entrevista à CNBC.

Ele também repetiu sua opinião, em linha com a da maioria das outras autoridades do Fed, de que o banco central norte-americano está perto do momento em que começará a reduzir suas compras mensais de ativos, e que não ficará surpreso se a redução de estímulo for finalizada até meados de 2022.

(Reportagem de Ann Saphir)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos