Mercado fechado

Europa tem interesse na SpaceX, de Elon Musk, para substituir foguetes russos

Europa tem interesse na SpaceX, de Elon Musk, para substituir foguetes russos. Foto: Reuters.
Europa tem interesse na SpaceX, de Elon Musk, para substituir foguetes russos. Foto: Reuters.

Resumo da notícia:

  • Agência Espacial Europeia (ESA, na sigla em inglês) está discutindo questões técnicas preliminares com a SpaceX sobre a possibilidade de usar seus lançadores;

  • Até o momento, a Europa usava a italiana Vega, a russa Soyuz e o Ariane 5 para as missões pesadas;

  • Japão e Índia estão entre os possíveis países supridores de lançadores.

A Agência Espacial Europeia (ESA, na sigla em inglês) está discutindo questões técnicas preliminares com a fabricante estadunidense de sistemas aeroespaciais SpaceX que podem levar ao uso temporário de seus lançadores. A possível negociação ocorre depois que a Rússia impossibilitou o acesso ocidental aos foguetes Soyuz.

O diretor-geral da ESA, Josef Aschbacher, afirmou que, entre as possíveis soluções para resolver o impasse incluem a ajuda do Japão ou, eventualmente, da Índia.

A discussão acontece enquanto o cronograma final do foguete europeu Ariane 6, da empresa francesa Arianespace, ainda não está concluído.

Leia também:

“Eu diria que há duas opções e meia que estamos discutindo. Uma é a SpaceX, que é clara. Outra é possivelmente o Japão”, afirmou Aschbacher à agência britânica de notícias Reuters.

“O Japão está esperando o voo inaugural de seu foguete de próxima geração. Outra opção poderia ser a Índia”, continuou. “A SpaceX, eu diria, é a mais operacional delas e certamente um dos lançamentos de backup que estamos analisando.”

Contudo, segundo o diretor-geral, as negociações ainda estão em análise, e qualquer alternativa seria provisória.

*Com informações da Reuters.