Mercado fechado
  • BOVESPA

    105.069,69
    +603,45 (+0,58%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.597,29
    -330,09 (-0,65%)
     
  • PETROLEO CRU

    66,22
    -0,28 (-0,42%)
     
  • OURO

    1.782,10
    +21,40 (+1,22%)
     
  • BTC-USD

    47.134,18
    -9.571,66 (-16,88%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.367,14
    -74,62 (-5,18%)
     
  • S&P500

    4.538,43
    -38,67 (-0,84%)
     
  • DOW JONES

    34.580,08
    -59,71 (-0,17%)
     
  • FTSE

    7.122,32
    -6,89 (-0,10%)
     
  • HANG SENG

    23.766,69
    -22,24 (-0,09%)
     
  • NIKKEI

    28.029,57
    +276,20 (+1,00%)
     
  • NASDAQ

    15.687,50
    -301,00 (-1,88%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3953
    +0,0151 (+0,24%)
     

Ethereum alcança nova máxima, mas pode começar a cair!

·3 min de leitura

De acordo com o Decrypt, as taxas de transação da Ethereum vem caindo e já acumulam uma redução de 33% com relação à semana anterior. Por outro lado, a taxa de hashes, que determina o poder de computação da rede, vem subindo. Em uma semana essa taxa subiu cerca de 1%, atingindo um novo recorde de 821.207 GH/s, de acordo com o rastreador Etherscan.

Por um lado o aumento computacional da rede impulsiona a crypto para subir ainda mais. Por outro lado, a diminuição das taxas de transação podem afetar a demanda, o que levaria o ativo para baixo.

Melhor ter cautela.

No gráfico da Ethereum é notado que a crypto alcançou uma região onde 2 alvos coincidem. No dia 20 de outubro, foi acionado um pivô de alta no gráfico semanal. Após acionar o pivô, a crypto fez um movimento de correção, para então dar sequência à tendência de alta.

Conforme mostrado, o primeiro alvo do pivô do gráfico semanal coincide com o segundo alvo do pivô acionado no gráfico diário.

É preciso se atentar ainda ao movimento que a crypto fez nos últimos dois dias. Na segunda-feira (08/11), a Ethereum rompeu o primeiro alvo do pivô diário com um forte movimento de alta, levando o preço próximo ao segundo alvo. Ontem (09/11), a crypto fez um pequeno movimento de correção, mostrando respeito pela resistência. Hoje, vem subindo novamente, mas não conseguiu romper a região dos alvos.

Esta movimentação, próximo a uma resistência importante, leva a duas hipóteses.

Como o ativo vem trabalhando em forte tendência de alta, é possível que o movimento de baixa de ontem tenha sido apenas um pullback, para que na sequência dê continuidade à alta. Neste caso, o ideal seria esperar a crypto formar uma barra rompendo a região dos alvos, para então operar comprado. Como o pivô acionado no gráfico semanal ainda tem alvos em aberto, existe bastante espaço para a Ethereum continuar subindo.

Também pode ser o início de uma correção!

A outra hipótese é que a crypto venha a fazer um novo movimento de correção, visto que vem desde setembro trabalhando em um canal de alta. O que fortalece a hipótese, é o fato de o ativo ter mostrado respeito pelo alvo de 100% do pivô no gráfico diário. Dessa forma, a alta de hoje poderia ser entendido como um movimento de exaustão.

Caso o ativo passe a fazer um movimento de correção, terá como suporte as retrações do movimento de alta realizado.

Mesmo que a crypto recue até a retração de 38,2%, estará apenas fazendo um teste no topo que foi rompido. Se na sequência voltar a subir, teria mais força para buscar os outros alvos do pivô acionado no gráfico semanal. Este comportamento seria similar ao realizado pelo ativo no gráfico diário.

Neste caso, seria interessante esperar o ativo corrigir até a retração de 38,2%, ou mesmo a de 50%. Posteriormente, a expectativa é que um novo movimento de alta seja iniciado. Caso esta configuração seja realizada, uma operação de compra teria um grande potencial de lucro, com um stop relativamente pequeno.

This article was originally posted on FX Empire

More From FXEMPIRE:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos