Mercado abrirá em 2 horas 1 minuto
  • BOVESPA

    110.249,73
    +1.405,98 (+1,29%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.828,13
    +270,48 (+0,53%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,60
    +1,11 (+1,57%)
     
  • OURO

    1.774,80
    -3,40 (-0,19%)
     
  • BTC-USD

    42.146,59
    -1.309,66 (-3,01%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.050,33
    -13,52 (-1,27%)
     
  • S&P500

    4.354,19
    -3,54 (-0,08%)
     
  • DOW JONES

    33.919,84
    -50,63 (-0,15%)
     
  • FTSE

    7.062,90
    +81,92 (+1,17%)
     
  • HANG SENG

    24.221,54
    +122,40 (+0,51%)
     
  • NIKKEI

    29.639,40
    -200,31 (-0,67%)
     
  • NASDAQ

    15.073,75
    +49,75 (+0,33%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1807
    +0,0016 (+0,03%)
     

Estudo da Microsoft diz que trabalho remoto reduz criatividade e inovação

·2 minuto de leitura

Desde que o trabalho remoto se tornou padrão em muitas empresas com a chegada da pandemia da covid-19, muitas delas passaram a pensar em manter a modalidade no futuro — até pela economia de custos. Agora, entretanto, um estudo da Microsoft pode levá-las a repensar essa estratégia.

Para David Holtz, professor-assistente da Haas School of Business da Universidade da Califórnia em Berkeley, a ordem de trabalhar em casa criou uma oportunidade única. “Foi possível identificar os efeitos do trabalho remoto em toda a empresa e o modo como os profissionais se comunicam e colaboram.”

Mais de 61 mil funcionários da companhia nos EUA foram observados entre dezembro de 2019, ou seja, antes do lockdown, e junho de 2020. Segundo os pesquisadores, trabalhar em casa reduziu a criatividade dos colaboradores.

Imagem: Reprodução/Freepik/Racool_studio
Imagem: Reprodução/Freepik/Racool_studio

E mais: a comunicação e o trabalho em equipe também foram prejudicados enquanto os funcionários estão distantes dos colegas de firma. O levantamento mostra que os profissionais passaram cerca de 25% menos tempo em colaboração em grupos em comparação com a interação antes da pandemia.

Produtividade e inovação são afetadas

A pesquisa aponta, ainda, que a produtividade e a inovação também foram afetadas. Isso porque indivíduos de diferentes departamentos não conseguiram adquirir ou compartilhar novas informações.

Ainda assim, nem tudo é negativo. Os dados indicam que, com o expediente remoto, houve redução de 5% no tempo dedicado a reuniões. Já as horas semanais de trabalho, e o volume de e-mails e de mensagens instantâneas enviados aumentaram.

Imagem: Reprodução/Envato/halfpoint
Imagem: Reprodução/Envato/halfpoint

A análise destaca que os efeitos são diferentes até mesmo se um funcionário trabalhar remotamente e outro no escritório. “Isso tem implicações importantes para empresas que consideram o trabalho híbrido”, afirma Holtz. “É crucial pensar sobre como essas políticas são implementadas.”

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos