Mercado abrirá em 4 h 25 min
  • BOVESPA

    109.717,94
    -517,82 (-0,47%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.460,55
    +652,34 (+1,36%)
     
  • PETROLEO CRU

    94,45
    +0,11 (+0,12%)
     
  • OURO

    1.803,90
    -3,30 (-0,18%)
     
  • BTC-USD

    23.989,51
    -471,15 (-1,93%)
     
  • CMC Crypto 200

    570,08
    -4,66 (-0,81%)
     
  • S&P500

    4.207,27
    -2,97 (-0,07%)
     
  • DOW JONES

    33.336,67
    +27,16 (+0,08%)
     
  • FTSE

    7.508,93
    +43,02 (+0,58%)
     
  • HANG SENG

    20.175,62
    +93,19 (+0,46%)
     
  • NIKKEI

    28.546,98
    +727,65 (+2,62%)
     
  • NASDAQ

    13.392,00
    +80,75 (+0,61%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,3275
    +0,0038 (+0,07%)
     

Estudo avalia quais cavernas e poços da Lua poderão abrigar bases humanas

·2 min de leitura

Cavernas e tubos de lava na Lua podem apresentar condições relativamente estáveis para abrigar bases humanas em um futuro não muito distante. É o que diz um novo estudo liderado pela Universidade do Colorado, apontando que, além de oferecer abrigo, esses lugares podem conter recursos naturais como gelo de água.

A superfície da Lua está exposta a muitos fatores nocivos à saúde humana, como variações extremas de temperatura e radiação cósmica. Ainda assim, o satélite natural da Terra pode oferecer abrigo para os futuros exploradores lunares em fendas e cavernas de sua paisagem.

Os primeiros resultados indicaram que poços e cavernas na Lua possuem condições “notavelmente estáveis”. Esses lugares não sofrem com oscilações bruscas de temperatura, algo comum no restante da superfície lunar.

Andrew Wilcoski, co-autor do estudo, disse que “se esperamos enviar pessoas para essas cavernas nas próximas décadas, queremos saber o que elas devem esperar lá”. Essas fendas seriam naturalmente favoráveis às bases lunares, uma vez que oferecem proteção contra, por exemplo, a radiação solar.

Outra questão levantada pelos cientistas é se estas fendas e cavernas teriam a temperatura adequada para também abrigar recursos naturais como gelo de água, que poderá ser usado por futuras tripulações até mesmo gerando combustível para espaçonaves.

Locais mais indicados para humanos na Lua

Para avaliar as condições desses lugares abaixo da superfície lunar, Wilcoski e o cientista planetário Paul Hayne, também co-autor do estudo, realizaram simulações no computador com base em dados obtidos em missões lunares como a da Lunar Reconnaissance Orbiter (LRO), sonda orbital da NASA.

A topografia do polo sul lunar revela muitas crateras que podem abrigar gelo de água (Imagem: Reprodução/NASA)
A topografia do polo sul lunar revela muitas crateras que podem abrigar gelo de água (Imagem: Reprodução/NASA)

Inicialmente, eles observaram que, por um lado, esses locais conseguem abrigar e proteger humanos dos fatores extremos da Lua; por outro, essas mesmas condições não seriam suficientes para manter gelo de água como um recurso de fácil acesso.

Outro estudo também baseado nos dados dos dados da LRO estimou mais de 200 poços e cavernas na superfície da Lua, muitos com tamanhos que variam de 800 metros de largura a alturas de um ônibus de dois andares. E estas fendas seriam grandes candidatas às bases lunares.

O estudo também observou que a maneira como estas formações estão posicionadas pode influenciar na presença de gelo de água. Por exemplo, se a entrada de uma caverna estivar virada para o Sol, ela será bem mais quente do que uma fenda protegida dos raios solares.

A maioria das cavernas nas simulações apresentaram temperaturas de -120 °C a 70 °C ao longo de um dia lunar. Essas não são boas condições para a água congelada, apontou Wilcoski.

Uma alternativa, disse Hayne, seria estabelecer uma base lunar protegida em uma caverna próxima a alguma cratera polar, onde existe gelo de água. “Os astronautas poderiam então se aventurar quando as condições fossem adequadas para coletar solo rico em gelo”, acrescentou.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos