Mercado fechado
  • BOVESPA

    113.282,67
    -781,69 (-0,69%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.105,71
    -358,56 (-0,70%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,95
    +0,65 (+0,89%)
     
  • OURO

    1.750,60
    +0,80 (+0,05%)
     
  • BTC-USD

    42.528,43
    -447,46 (-1,04%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.067,20
    -35,86 (-3,25%)
     
  • S&P500

    4.455,48
    +6,50 (+0,15%)
     
  • DOW JONES

    34.798,00
    +33,18 (+0,10%)
     
  • FTSE

    7.051,48
    -26,87 (-0,38%)
     
  • HANG SENG

    24.192,16
    -318,82 (-1,30%)
     
  • NIKKEI

    30.248,81
    +609,41 (+2,06%)
     
  • NASDAQ

    15.319,00
    +15,50 (+0,10%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2556
    +0,0306 (+0,49%)
     

Estoques de suco de laranja caem 33% em junho; clima dificulta previsões para 2021/22

·2 minuto de leitura

Por Nayara Figueiredo

SÃO PAULO (Reuters) - Os estoques de suco de laranja em poder das empresas associadas à CitrusBR atingiram 316.929,70 toneladas em 30 de junho, queda de 33% no comparativo anual, informou nesta quinta-feira a entidade que representa a indústria, citando incertezas para a temporada 2021/22 causadas por problemas climáticos.

A queda nas reservas de suco --do tipo concentrado equivalente a 66 graus brix-- no fim de 2020/21 já era esperada, diante do recuo no processamento da fruta, disse em nota o diretor-executivo da CitrusBR, Ibiapaba Netto.

Na safra 2020/21, o processamento total foi de 222,53 milhões de caixas de 40,8 quilos, volume 31,54% menor que o registrado na temporada anterior, conforme dados da associação.

Para a próxima temporada, problemas climáticos ocorridos nos últimos meses dificultaram a visualização do cenário e a CitrusBR evitou projeções.

"Por conta da seca prolongada em todo o cinturão citrícola do Estado de São Paulo e Minas Gerais, associada às geadas ocorridas ao longo do mês de julho de 2021, ainda não é possível estimar o processamento de laranja para a safra 2021/2022."

De acordo com o diretor, a conjunção desses dois fenômenos em uma mesma safra é algo sem precedentes na história recente do setor.

"O cenário atípico exige cautela nas projeções dos dados diante de uma possível quebra de safra", disse o diretor, ressaltando.

Ele afirmou que novas informações da indústria serão divulgadas assim que o Fundo de Defesa da Citricultura (Fundecitrus) mensurar o efeito das adversidades climáticas sobre a safra citrícola.

No início de junho, antes das áreas de cultivo de laranja terem sido afetadas por geadas, a CitrusBR adiantou que possivelmente os estoques de suco em 30 de junho de 2022 estarão ainda menores que os atuais, próximos do patamar mínimo necessário para a indústria.

Isso porque a nova safra 2021/22 de laranja do cinturão citrícola de São Paulo e Triângulo/Sudoeste Mineiro deve alcançar 294,17 milhões de caixas de 40,8 kg, avanço de 9,5% no comparativo anual devido ao ciclo de alta da produção, mas abaixo da média histórica, segundo projeção do Fundecitrus.

Quando comparada à média das dez safras anteriores, o instituto ligado aos produtores acredita que a temporada atual representará um recuo de 10,53%.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos