Mercado fechado
  • BOVESPA

    123.576,56
    +1.060,82 (+0,87%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.633,91
    +764,43 (+1,50%)
     
  • PETROLEO CRU

    70,36
    -0,90 (-1,26%)
     
  • OURO

    1.813,50
    -8,70 (-0,48%)
     
  • BTC-USD

    37.986,94
    -787,32 (-2,03%)
     
  • CMC Crypto 200

    926,35
    -17,09 (-1,81%)
     
  • S&P500

    4.423,15
    +35,99 (+0,82%)
     
  • DOW JONES

    35.116,40
    +278,24 (+0,80%)
     
  • FTSE

    7.105,72
    +24,00 (+0,34%)
     
  • HANG SENG

    26.194,82
    -40,98 (-0,16%)
     
  • NIKKEI

    27.641,83
    -139,19 (-0,50%)
     
  • NASDAQ

    15.044,25
    +91,50 (+0,61%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1688
    +0,0247 (+0,40%)
     

Estoques de petróleo dos EUA recuam por oitava semana consecutiva, diz AIE

·1 minuto de leitura
Tanque de armazenamento de petróleo na bacia de Permian, no Texas, Estados Unidos

(Reuters) - Os estoques de petróleo dos Estados Unidos recuaram pela oitava semana seguida na semana passada, enquanto o vigor renovado na economia dos EUA continua a impulsionar a maior demanda por combustível, afirmou a Administração de Informação sobre Energia (AIE) nesta quarta-feira.

O relatório atrasou uma hora devido à problemas técnicos, afirmou a AIE.

Os estoques de petróleo recuaram 7,9 milhões de barris na semana encerrada em 9 de julho, acima das expectativas dos analistas de uma queda de 4,4 milhões de barris.

As refinarias vêm reduzindo os estoques de petróleo na sequência mais longa desde janeiro de 2018, em resposta ao aumento de demanda, enquanto a produção dos EUA está relativamente estagnada.

"Os estoques de petróleo dos EUA reduziram pela oitava semana consecutiva - com outra redução sólida - recuando a sua mínima desde janeiro de 2020, em meio à força contínua nas operações de refinarias e exportações", disse Matt Smith, diretor de pesquisa de commodities da ClipperData.

As importações líquidas de petróleo recuaram 1,1 milhão de barris por dia na semana passada, enquanto só as exportações saltaram para mais de 4 milhões de barris por dia.

(Reportagem da Mesa de Energia de Nova York)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos