Mercado fechado
  • BOVESPA

    108.095,53
    +537,86 (+0,50%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.056,27
    +137,99 (+0,27%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,53
    +0,17 (+0,23%)
     
  • OURO

    1.783,80
    -1,70 (-0,10%)
     
  • BTC-USD

    50.356,59
    -423,73 (-0,83%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.318,03
    +12,91 (+0,99%)
     
  • S&P500

    4.701,21
    +14,46 (+0,31%)
     
  • DOW JONES

    35.754,75
    +35,32 (+0,10%)
     
  • FTSE

    7.337,05
    -2,85 (-0,04%)
     
  • HANG SENG

    23.996,87
    0,00 (0,00%)
     
  • NIKKEI

    28.859,67
    -0,95 (-0,00%)
     
  • NASDAQ

    16.380,50
    -11,75 (-0,07%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2769
    +0,0028 (+0,04%)
     

Este peixe tem 555 dentes na boca e troca 20 deles todos os dias

·2 min de leitura

Os peixes podem ser realmente surpreendentes, uma vez que possuem representantes nas listas dos 5 animais mais venenosos do mundo e dos 7 animais que têm superpoderes dignos de heróis dos quadrinhos, por exemplo. Mas há uma espécie que se destaca por suas características excêntricas: o bacalhau ling do Pacífico (Ophiodon elongatus), também conhecido pelo nome em inglês, lingcod, que conta com nada menos que 555 dentes na boca — e troca 20 deles a cada dia.

Um estudo da University of Washington e da University of South Florida (EUA) publicado em 13 de outubro na revista científica The Royal Society Publishing aponta que em vez de incisivos, molares e caninos, esse peixe tem centenas de dentes afiados e quase microscópicos. O palato (céu da boca) é coberto por centenas de minúsculos dentes, e atrás da mandíbula há a mandíbula faríngea, que o peixe usa para mastigar alimentos da mesma forma que os humanos usam os molares.

Para entender quantos dentes essa espécie possui e quantos perde diariamente, os autores do estudo mantiveram 20 peixes em um tanque cheio de uma tintura vermelha diluída, que tingiu os dentes do peixe de vermelho. Mais tarde, os pesquisadores moveram os peixes para um tanque cheio de um corante verde fluorescente, que manchou os dentes novamente, para ajudar na identificação e contagem dos elementos. Juntos, os 20 peixes tinham aproximadamente 10 mil dentes!

Cada um deles perdeu em média cerca de 20 dentes por dia, como ressalta o estudo. A mandíbula faríngea demonstrou perder os dentes muito mais rápido do que qualquer outra parte da boca. “A maioria dos peixes tem dentes, tal como o bacalhau ling do Pacífico, e pode ser que estejam perdendo boa quantidade de seus dentes diariamente e substituindo-os rapidamente, como esta espécie faz", aponta uma das autoras do estudo, Karly Cohen, em entrevista ao National Geographic.

O peixe em questão costuma ter cerca de um metro de comprimento na idade adulta e é um predador onívoro, que chega a se alimentar até da própria espécie. Conforme relata o artigo, ele é encontrado na costa oeste da América do Norte, do Alasca à Baja California, no México.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos