Mercado fechará em 2 h 16 min

Estamos vivenciando verdadeira recuperação em 'V', diz presidente da Duratex

Chiara Quintão
·2 minutos de leitura

Companhia tem operado a plena capacidade e batido recordes de produção, segundo Antonio Joaquim Oliveira O presidente da Duratex, Antonio Joaquim de Oliveira, afirmou hoje que a companhia está iniciando novo ciclo, depois de ter as atividades de todas as suas fábricas paralisadas no fim de março e em abril. “Estamos vivenciando uma verdadeira recuperação em V”, disse Oliveira, há pouco, em live da Itaúsa, holding que é a maior acionista da empresa. Segundo o executivo, a companhia tem operado a plena capacidade e batido recordes de produção. De acordo com Oliveira, a Duratex irá buscar novas oportunidades de investimento a partir de 2021. A companhia tem quatro segmentos de atuação — madeira, Deca (louças e metais sanitários, além de chuveiros), revestimentos cerâmicos e celulose solúvel. A fábrica de celulose solúvel, parceria com a austríaca Lenzing, começará a operar em 2022. O presidente da Duratex afirmou também que a Duratex tem “condições de oferecer mais retorno aos acionistas”. Antonio Joaquim de Oliveira, presidente da Duratex, diz que a fábrica está operando a plena capacidade Carol Carquejeiro/Valor Segundo Oliveira, a companhia buscará ampliar rentabilidade na operação de painéis. De acordo com ele, há potencial de “ganho de produtividade” nas unidades de painéis de madeira. “Temos quatro fábricas bem posicionadas”, disse. O presidente da Duratex afirmou que a companhia continuará a crescer em florestas no Nordeste, que poderão ser destinadas, futuramente, a novos projetos. Oliveira ressaltou que, no momento, não há plano de investimentos em novas fábricas de painéis. A companhia diz estar “sempre preparada para crescer” e continua a avaliar potenciais novos investimentos relacionados a construção civil, decoração e soluções para casa. “Não é nada para agora, mas oportunidades podem existir a partir do próximo ano”, disse Oliveira. Questionado sobre desinvestimentos, o executivo afirmou que a Duratex considera que “está com portfólio adequado”.