Mercado fechado
  • BOVESPA

    115.202,23
    +2.512,05 (+2,23%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    46.342,54
    +338,35 (+0,74%)
     
  • PETROLEO CRU

    66,28
    +2,45 (+3,84%)
     
  • OURO

    1.698,20
    -2,50 (-0,15%)
     
  • BTC-USD

    50.912,94
    +3.111,23 (+6,51%)
     
  • CMC Crypto 200

    982,93
    +39,75 (+4,21%)
     
  • S&P500

    3.841,94
    +73,47 (+1,95%)
     
  • DOW JONES

    31.496,30
    +572,16 (+1,85%)
     
  • FTSE

    6.630,52
    -20,36 (-0,31%)
     
  • HANG SENG

    29.098,29
    -138,51 (-0,47%)
     
  • NIKKEI

    28.864,32
    -65,78 (-0,23%)
     
  • NASDAQ

    12.652,50
    +197,50 (+1,59%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,7780
    -0,0079 (-0,12%)
     

Estado de São Paulo ultrapassa 5.000 vacinados contra Covid-19

MARTHA ALVES
·2 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O estado de São Paulo ultrapassou os 5.000 vacinados contra Covid-19 na tarde desta terça-feira (19), segundo dados do Vacinômetro, ferramenta do governo João Doria (PSDB) que faz a contagem em tempo real da campanha de imunização. A técnica de enfermagem Liane Santana Mascarenhas Tinoco, 49, primeira pessoa a ser vacinada contra a Covid-19 no interior do estado de São Paulo. O contador do Vacinômetro, lançado nesta terça, ficou fora do ar entre às 13h30 e 14h e quando voltou mostrava que 5.364 pessoas tinham sido imunizadas. Depois disso, o contador voltou a cair novamente, retornando por volta das 15h, com 5.482 vacinados. Segundo o governo estadual, a instabilidade se deve ao grande número de acessos à ferramenta. Qualquer pessoa pode acessar os números do Vacinômetro que estão disponíveis do site www.saopaulo.sp.gov.br. As informações sobre os imunizados são fornecidas pela Vacivida, plataforma digital que faz acompanhamento digital individualizado e em tempo real do registro das pessoas vacinadas. O sistema Vacivida foi desenvolvido pela pela Prodesp (empresa de tecnologia do governo de São Paulo) e produz relatórios atualizados de doses aplicadas e a cobertura vacinal atualizada dos 645 municípios paulistas. Segundo o governo do estado, o sistema também está integrado ao aplicativo Poupatempo Digital e poderá abastecer a base de dados do Ministério da Saúde. Além dos relatórios, a plataforma vai disponibilizar ainda o pré-cadastro para as pessoas participarem da campanha de imunização contra o coronavírus em São Paulo. O sistema fará o registro digital da vacinação e enviará um lembrete para a pessoa avisando sobre a aplicação das segunda dose. Ele também vai notificar a Vigilância Epidemiológica sobre possíveis eventos adversos individuais. Após ser imunizada, cada pessoa receberá um comprovante com QR Code direcionado ao aplicativo do Poupatempo Digital. Ele dará acesso a um documento digital que certificará a participação na campanha, evitando fraudes.