Mercado fechará em 3 h 9 min
  • BOVESPA

    101.220,47
    -39,28 (-0,04%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    38.336,09
    -371,63 (-0,96%)
     
  • PETROLEO CRU

    38,60
    -1,25 (-3,14%)
     
  • OURO

    1.905,70
    +0,50 (+0,03%)
     
  • BTC-USD

    13.023,56
    -53,46 (-0,41%)
     
  • CMC Crypto 200

    260,17
    -3,25 (-1,23%)
     
  • S&P500

    3.396,93
    -68,46 (-1,98%)
     
  • DOW JONES

    27.645,74
    -689,83 (-2,43%)
     
  • FTSE

    5.813,05
    -47,23 (-0,81%)
     
  • HANG SENG

    24.918,78
    +132,68 (+0,54%)
     
  • NIKKEI

    23.494,34
    -22,25 (-0,09%)
     
  • NASDAQ

    11.484,50
    -179,00 (-1,53%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6460
    -0,0179 (-0,27%)
     

Estado do Rio prorroga medidas de restrição até 20 de outubro

Alessandra Saraiva
·1 minuto de leitura

Entre as atividades com limitação por causa da pandemia estão eventos desportivos, comícios, passeatas, além de serviços de consumo de bebidas alcoólicas em ambiente externo após as 22h O governo do Estado do Rio de Janeiro informou hoje, em comunicado, a prorrogação de medidas restritivas relacionadas ao combate à pandemia no Estado até 20 de outubro. Em informe sobre o tema, o governador em exercício Claudio Castro (PSC) estendeu até 20 de outubro proibição de atividades com presença de público que envolvam aglomeração. Entre essas atividades, estão atos como eventos desportivos, comícios e passeatas. O governo fluminense pontuou que, em retorno permitido de torcedores aos estádios de futebol, esse caso contará com regras e legislação específica. Além disso, atividades culturais previamente autorizadas e rodas de samba podem ser realizados seguindo os protocolos sanitários avaliados pela Autoridade Sanitária Municipal e a Secretaria de Estado da Saúde, informou o governo. Em seu comunicado, o governo do Rio de Janeiro lembrou que, durante a pandemia, serviços de consumo de bebidas alcoólicas em ambiente externo ao estabelecimento permanecem vedados após as 22h. Estão autorizados apenas para os clientes sentados em mesas e cadeiras nas áreas internas e externas, respeitando o distanciamento mínimo de 1 a 2 metros, detalhou o governo fluminense. A prorrogação das medidas foi publicada em edição extra do Diário Oficial de ontem, terça-feira, 6 de outubro. AP Photo/Silvia Izquierdo