Mercado fechado
  • BOVESPA

    114.177,55
    -92,52 (-0,08%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    55.164,01
    +292,65 (+0,53%)
     
  • PETROLEO CRU

    81,11
    +0,10 (+0,12%)
     
  • OURO

    1.929,60
    -0,40 (-0,02%)
     
  • BTC-USD

    23.026,22
    +10,89 (+0,05%)
     
  • CMC Crypto 200

    523,89
    -3,30 (-0,63%)
     
  • S&P500

    4.060,43
    +44,21 (+1,10%)
     
  • DOW JONES

    33.949,41
    +205,57 (+0,61%)
     
  • FTSE

    7.761,11
    +16,24 (+0,21%)
     
  • HANG SENG

    22.566,78
    +522,13 (+2,37%)
     
  • NIKKEI

    27.362,75
    -32,26 (-0,12%)
     
  • NASDAQ

    12.045,50
    -61,25 (-0,51%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5224
    -0,0164 (-0,30%)
     

'Esquema Ponzi gigante', diz co-criador acidental do Bitcoin

The Times Bitcoin
The Times Bitcoin

Os entusiastas do Bitcoin comemoraram 14 anos da criptomoeda criada por Satoshi Nakamoto na terça-feira (3), embora nem todos tenha festejado, já que o Bitcoin perdeu 65% de valor em 2022.

O bloco de gênesis foi o primeiro na blockchain do Bitcoin e marcou o início de uma nova era do dinheiro digital descentralizado e o lançamento de possivelmente uma das invenções mais revolucionárias deste século.

O primeiro bloco continha 50 bitcoins, que não foram gastos, e uma velha manchete do jornal do The London Times, que diz "Chanceler à beira de um segundo resgate para os bancos".

Isso foi pensado para ser uma declaração sobre o estado do dinheiro em geral na época, com os bancos sendo resgatados devido a práticas bancárias irresponsáveis.

'Esquema Ponzi gigante'

Francis Elliott, o ex-editor de política do The Times, e autor da manchete, tem uma conexão próxima com a criação do bitcoin; já que seu artigo, publicado em 3 de janeiro de 2009, está embutido no código do primeiro bloco minerado da criptomoeda.

Elliot é considerado por alguns como co-criador acidental do Bitcoin, mas para o jornalista, as criptomoedas não são nada além de "um esquema Ponzi gigante” e “uma farsa absoluta”.

Elliott negou ser Satoshi Nakamoto, o misterioso criador do Bitcoin, apesar de que quando verificada a hora de sua notícia, fica claro que ela foi publicada na mesma hora da criação do primeiro bloco do bitcoin.

Assim, muitos entusiastas do bitcoin acreditam que não pode ser apenas uma coincidência, sendo possível haver uma conexão entre Satoshi Nakamoto e o jornalista.

No entanto, em conversa com o Financial Times, Elliott disse que só ouviu falar de sua conexão com a criação do bitcoin em 2016, quando as pessoas começaram a citá-lo no Twitter.

"Todos acharam muito fofo eu ter acabado de descobrir”, disse Elliott, acrescentando que nunca comprou criptomoedas, além de nunca ter considerado transformar sua fama acidental em uma carreira como influenciador de criptomoedas.

O jornalista disse também que não sabe por que sua matéria ligeiramente especulativa tornou-se incorporada no primeiro bloco do bitcoin.

“É uma daquelas histórias que fiquei aliviado por estar certa”, disse ele. “Era uma fonte OK, mas. . . bem, era uma história de Natal e Ano-Novo. Não tenho ideia de por que Nakamoto usou aquela peça ou quem ele é. Talvez ele soubesse de algo que nós não sabíamos."

14 anos se passaram desde que o bitcoin foi criado e, impressões originais do jornal The Times de 3 de janeiro de 2009 tiveram grande valorização, com cópias sendo vendidas por no mínimo R$ 250 mil dólares, cerca de 1,36 milhão de reais.

Em seus 14 anos, o Bitcoin valorizou 2.178.035.658%, e embora nunca tenha comprado qualquer fração da moeda digital, Elliott acabou sendo agraciado por entusiastas.

Fonte: Livecoins

Veja mais notícias sobre Bitcoin. Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.