Mercado fechado

Escola pede que pais parem de jogar alunos atrasados por cima de portões

Redação Notícias
·1 minuto de leitura
Diretora diz que estabelecimento preferiu tomar uma iniciativa preventiva antes que houvesse algo pior. (Foto: La Provence/Reprodução)
Diretora diz que estabelecimento preferiu tomar uma iniciativa preventiva antes que houvesse algo pior. (Foto: La Provence/Reprodução)

Uma escola na cidade Avignon, na França, se viu diante de um problema incomum por conta dos atrasos de alunos: desde setembro, a unidade escolar decidiu afixar cartazes pedindo para que os pais parem de jogar os estudantes por cima dos portões de entrada após o horário de início das aulas, quando os acessos são fechados.

"Os pais que chegam depois do sinal literalmente jogam os filhos", afirmou a diretora do estabelecimento, Sanaa Meziane, em entrevista ao jornal La Provence. Os cartazes, literalmente, pedem e orientam pais ou responsáveis para que não joguem os alunos por cima dos portões. Em complemento, informam que existem outros horários em que as entradas são liberadas: às 10h e às 15h.

Leia também

De acordo com a reportagem do jornal, não há registros de alunos feridos com a iniciativa, restritos a iniciativas isoladas. Mesmo assim, o estabelecimento optou por se antecipar e alertar para os riscos. "Não aconteceu tantas vezes, mas por menos que fosse, preferimos tomar uma iniciativa", disse Meziane.