Mercado abrirá em 4 h 40 min
  • BOVESPA

    106.924,18
    +1.236,18 (+1,17%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.579,90
    +270,60 (+0,55%)
     
  • PETROLEO CRU

    109,17
    -1,32 (-1,19%)
     
  • OURO

    1.795,00
    -13,20 (-0,73%)
     
  • BTC-USD

    29.757,42
    +90,93 (+0,31%)
     
  • CMC Crypto 200

    666,80
    -14,30 (-2,10%)
     
  • S&P500

    4.023,89
    +93,81 (+2,39%)
     
  • DOW JONES

    32.196,66
    +466,36 (+1,47%)
     
  • FTSE

    7.410,72
    -7,43 (-0,10%)
     
  • HANG SENG

    19.920,48
    +21,71 (+0,11%)
     
  • NIKKEI

    26.547,05
    +119,40 (+0,45%)
     
  • NASDAQ

    12.300,75
    -82,00 (-0,66%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2533
    -0,0058 (-0,11%)
     

Epic Games vs Apple: Empresas voltam a brigar por causa de monopólio no iOS

·1 min de leitura
A briga entre Epic Games e Apple por causa de Fortnite e monopólio se estenderá. Foto: Getty Images.
A briga entre Epic Games e Apple por causa de Fortnite e monopólio se estenderá. Foto: Getty Images.
  • A Epic Games, empresa responsável pelo jogo Fortnite, apresentou recurso alegando que juíza errou ao concluir que a Apple não violou lei antitruste por meio da App Store;

  • O processo original acusava que a multinacional por trás da App Store praticava monopólio de venda e distribuição de apps nos dispositivos com iOS;

  • A Epic Games considerou a sentença insuficiente.

Parece que a batalha judicial entre a Apple e a Epic Games se estenderá por mais tempo. Na última quinta-feira (20), a desenvolvedora norte-americana de jogos e softwares apresentou novo recurso contra a companhia de produtos eletrônicos.

O processo original apontava, entre outras acusações, que a multinacional por trás do iPhone praticava monopólio de venda e distribuição de apps nos dispositivos com iOS.

Leia também:

O recurso foi pedido pela Epic Games em setembro do ano passado, após a sentença ser anunciada. Contudo, somente agora o texto do apelo foi submetido.

De acordo com a apelação, se a sentença não for revertida, as políticas antitrustes podem ser prejudicadas.

Por mais de um ano, até setembro de 2021, o caso transitou na corte, forçando a Apple a suspender determinadas restrições para pagamentos de apps no iOS.

Contudo, a Juíza Gonzales Rogers compreendeu que a distribuição exclusiva de aplicativos pela App Store não configura monopólio.

De acordo com ela, a companhia está de fato beirando o monopólio de mercado, salvando-se apenas porque a parcela de dominância não é maior.

Segundo a autoridade pública, a Epic Games focou na exclusividade de distribuição de aplicativos e não na fatia incluída do setor de jogos mobile, o que permitiu sentença favorável à Apple.

A desenvolvedora de jogos e softwares considerou o resultado insuficiente, e, dessa forma, não voltou a permitir o uso do Fornite na plataforma digital da Apple, abrindo recurso.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos