Mercado fechado
  • BOVESPA

    108.941,68
    -160,32 (-0,15%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.599,38
    -909,02 (-1,73%)
     
  • PETROLEO CRU

    84,83
    -0,31 (-0,36%)
     
  • OURO

    1.836,10
    +4,30 (+0,23%)
     
  • BTC-USD

    35.276,79
    +1,68 (+0,00%)
     
  • CMC Crypto 200

    870,86
    +628,18 (+258,85%)
     
  • S&P500

    4.397,94
    -84,79 (-1,89%)
     
  • DOW JONES

    34.265,37
    -450,03 (-1,30%)
     
  • FTSE

    7.494,13
    -90,88 (-1,20%)
     
  • HANG SENG

    24.965,55
    +13,25 (+0,05%)
     
  • NIKKEI

    27.522,26
    -250,64 (-0,90%)
     
  • NASDAQ

    14.411,00
    -15,50 (-0,11%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1900
    +0,0599 (+0,98%)
     

Entrada da torcida do Palmeiras flui sem problemas no Estádio Centenário

·2 min de leitura



Palmeiras e Flamengo se enfrentam neste sábado, às 17h, pela final da Libertadores de 2021, mas antes do apito inicial outro jogo acontece fora do Estádio Centenário, em Montevidéu: a entrada das torcidas. Até o início da partida, a reportagem do LANCE! não notou problemas em relação aos palmeirenses, que ingressaram no campo uruguaio sem dificuldades.

Desde cedo a polícia local e a organização montaram um enorme cerco no entorno do Centenário evitando que pessoas sem ingresso ou não credenciadas pudessem entrar nesse perímetro, no qual também não é permitido o consumo de bebidas alcoólicas, que também não são vendidas no estádio. O único lugar possível para isso é no setor VIP, que "open bar".

Para entrar nesse perímetro, era necessário apresentar documentação, ingresso e comprovante de vacinação completo. Uma vez que os torcedores entravam, não poderiam mais sair e, por isso, alguns deles preferiram adiar a entrada para continuarem consumindo suas bebidas. Mesmo assim, em determinado momento, a polícia pediu para que todos já ingressassem.

Houve um princípio de correria entre torcedores organizados do Verdão, mas não houve motivo aparente para a movimentação. Rapidamente, policiais montando cavalos e carros da polícia chegaram ao local e controlaram a situação sem uso de força e/ou violência. Logo em seguida o grupo de palmeirenses se aproximou da barreira para começar a entrar no estádio.

Apesar do volume de torcedores, as filas para, de fato, pegar o caminho para as arquibancadas não era tão grande e flui sem grandes problemas. Muitos deles já se acomodaram em seus assentos a duas horas do duelo começar e iniciaram seus gritos da arquibancada que ficou no setor Amsterdam.

Na chegada dos ônibus, perto de onde fica a torcida palmeirense, foi possível ver inúmeros xingamentos ao transporte do Flamengo, mas completamente diferente quando o ônibus alviverde apontou no portão do estádio. Leila Pereira, recém-eleita presidente do clube, desceu e interagiu com o público. A mandatária foi ovacionada pelos torcedores que estavam no local.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos