Mercado fechado

Entidades empresariais divulgam manifesto e pedem fim de polarização para enfrentar crise

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Foi divulgado nesta sexta-feira (5) manifesto de várias entidades empresariais organizado pelo Instituto Ethos, Instituto Capitalismo Consciente Brasil, Ideia Sustentável e Sistema B.

O documento, que foi liberado para receber assinaturas de representantes do mundo corporativo, pede que lideranças empresariais se ergam acima das divergências e polarizações em busca de união para enfrentamento da crise de tripla dimensão que afeta o país: sanitária, econômica e política.

Diz também que o governo federal, os governos estaduais e municipais devem abandonar disputas estéreis e implementar, urgentemente, ações conjuntas, seguindo orientações da OMS (Organização Mundial da Saúde) e da ciência que têm orientado todos os países no enfrentamento da pandemia.

"Conclamamos, portanto, que as lideranças empresariais deste país se ergam acima das divergências que nos separam e ajudem de forma integral e presente na construção de um projeto para um Brasil justo, sustentável, próspero, democrático, altivo e generoso", diz o documento.

"Nosso compromisso é com uma democracia, uma sociedade, uma livre economia e um projeto de país que reduza as desigualdades, erradique a pobreza e preserve o meio ambiente; um país em que possamos nos reconhecer e nos unir como nação."

"Não queremos mais perder tempo em debates improdutivos, em polarizações destruidoras, tampouco aceitamos qualquer ataque à democracia, à Constituição Federal e ao Estado Democrático de Direito", diz o manifesto.