Mercado abrirá em 46 mins

Engie e EDP fazem parceria em energia eólica nos EUA e Europa

Francois de Beaupuy e Jeremy Hodges

(Bloomberg) -- Duas líderes do setor de energia na França e Portugal uniram forças para desenvolver parques eólicos em alto-mar nos Estados Unidos e Europa.

A unidade da Engie e a EDP-Energias de Portugal vão fazer parte do grupo das cinco maiores do mercado de energia renovável, atualmente em plena expansão. A parceria também acirra a concorrência com a Orsted, empresa dinamarquesa líder mundial na construção de parques eólicos em alto-mar.

A EDP e a Engie irão combinar seus atuais ativos de energia eólica offshore, bem como projetos ainda em desenvolvimento, somando um total de 1,5 gigawatt em construção e 4 gigawatts em desenvolvimento. A meta das empresas é aumentar essa capacidade para 5 a 7 gigawatts de projetos em operação ou construção e até 10 gigawatts em desenvolvimento avançado até 2025, segundo comunicado divulgado na terça-feira.

As empresas esperam que o projeto entre em operação até o fim do ano. Ainda não chegaram a um acordo sobre o nome da parceria ou o valor de investimento necessário.

A joint venture terá como alvo mercados na Europa, EUA e algumas regiões da Ásia, disseram as empresas.

Engie e EDPR já são parceiras em projetos eólicos offshore em construção no Reino Unido e em desenvolvimento na França. Também desenvolvem projetos-piloto com turbinas eólicas flutuantes na França e em Portugal.

Repórteres da matéria original: Francois de Beaupuy em Paris, fdebeaupuy@bloomberg.net;Jeremy Hodges em Londres, jhodges17@bloomberg.net

Para entrar em contato com os editores responsáveis: James Herron, jherron9@bloomberg.net, ;Daniela Milanese, dmilanese@bloomberg.net, Reed Landberg

For more articles like this, please visit us at bloomberg.com

©2019 Bloomberg L.P.