Mercado abrirá em 7 h 29 min

Empresas relatam crescimento de vendas na Black Friday; Gol aponta recorde

Raquel Brandão

Companhia aérea diz que suas vendas avançaram 38% em relação à edição de 2018 A companhia aérea Gol informou nesta segunda-feira que suas vendas da Black Friday bateram recorde histórico, com mais de 450 mil bilhetes vendidos e receita superior a R$ 120 milhões, 38% de aumento em relação à edição de 2018. O número de compras na campanha promocional cresceu 51% na comparação com ano anterior, segundo a companhia.

Black Friday sinaliza sólida recuperação

Os bilhetes comprados são para viagens a serem realizadas entre dezembro de 2019 e junho de 2020. Entre os destinos mais procurados estão São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Recife e Salvador.

A tarifa média ficou abaixo dos R$ 265 e mais de 165 mil bilhetes foram vendidos por menos de R$ 150.

A empresa afirma que houve aumento de mais de 35% de visitantes únicos nos canais digitais da Gol, como aplicativo e site. Mais de 28% das vendas foram pelo aplicativo, diz a companhia.

Via Varejo

A Via Varejo informou nesta segunda-feira que os números de vendas da Black Friday em 2019 são preliminares e ainda não foram auditados. A empresa teria vendido R$ 1,1 bilhão na sexta-feira, segundo o presidente Roberto Fulcherberguer.

A empresa diz que as vendas ficaram em linha com as expectativas da administração. “O evento apresentou, quando comparado a 2018, volumes de vendas substancialmente superiores, bem como uma redução exponencial no número de reclamações de consumidores.”

Segundo o comunicado, a queda nas reclamações deve-se, em boa parte, a melhorias tecnológicas na plataforma de vendas digital, o “que permitiu uma melhor experiência de compra e mitigou problemas sistêmicos passados”.