Mercado fechará em 1 h 38 min
  • BOVESPA

    121.831,95
    +30,74 (+0,03%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.217,49
    +22,06 (+0,04%)
     
  • PETROLEO CRU

    68,94
    +0,79 (+1,16%)
     
  • OURO

    1.806,30
    -8,20 (-0,45%)
     
  • BTC-USD

    40.412,06
    +805,14 (+2,03%)
     
  • CMC Crypto 200

    996,69
    +20,79 (+2,13%)
     
  • S&P500

    4.420,49
    +17,83 (+0,40%)
     
  • DOW JONES

    34.978,04
    +185,37 (+0,53%)
     
  • FTSE

    7.120,43
    -3,43 (-0,05%)
     
  • HANG SENG

    26.204,69
    -221,86 (-0,84%)
     
  • NIKKEI

    27.728,12
    +144,04 (+0,52%)
     
  • NASDAQ

    15.157,50
    +84,00 (+0,56%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1696
    +0,0513 (+0,84%)
     

Empresas privadas começam a vacinar funcionários na Colômbia; Rappi aderiu à iniciativa

·2 minuto de leitura
Empresas privadas começam a vacinar funcionários na Colômbia; Rappi aderiu à iniciativa
Empresas privadas começam a vacinar funcionários na Colômbia; Rappi aderiu à iniciativa

Por meio da iniciativa “Empresas por la vacunación” ou “Empresas pela vacinação”, em tradução livre, empresas privadas na Colômbia começaram a vacinar os seus funcionários contra a Covid-19. A Telefônica foi a primeira a aderir à iniciativa, seguida pela companhia de delivery de comida Rappi.

O projeto Associação Empresarial Nacional da Colômbia (Andi) visa proteger o setor empresarial colombiano, bem como famílias que dele dependem, além de fortalecer o Plano Nacional de Vacinação e ajudar a desafogar a saúde pública do país. Em sua aquisição o grupo arrecadou 2,5 milhões de vacinas do laboratório Sinovac por meio da organização.

rappi
Empresas privadas começam a vacinar funcionários na Colômbia; Rappi aderiu à iniciativa. Imagem: Shutterstock

Em entrevista ao site Labs, a empresa Rappi disse que a vacinação será de acordo com as diretrizes do governo colombiano, dando prioridade aos grupos que não são prioritários através do plano original do país.

“Estamos participando de um mecanismo que busca agregar mais pessoas e fortalecer o Sistema Nacional de Vacinação junto com a força e capacidade de cada uma das empresas. Inicialmente, estamos distribuindo 2.000 vacinas. O modelo é feito para que pessoas com diferentes interesses possam se conectar de acordo com sua disponibilidade, nas circunstâncias de modo, tempo e lugar que determinem. Por isso, desde o início, no edital, ficou especificado que será dada prioridade às distribuidoras que não estejam contempladas no Plano Nacional de Vacinação no momento, ou seja, menores de 40 anos que não tenham doenças associadas”, explicou a Rappi.

Ainda segundo a empresa, seus mensageiros mais antigos e que ainda não fazem parte do Plano de Vacinação do governo serão priorizados, tendo em vista que correm um maior risco de infecção pela Covid-19. Desde o início da pandemia, a Rappi instaurou medidas que protegessem tanto seus funcionários, como os clientes. A implementação da política ‘Work From Anywhere’ foi um exemplo das ações da empresa em apoio ao home office.

No total, 32 sindicatos e 5.000 empresas aderiram à aliança. Só em Bogotá, capital da Colômbia, mais de 200.000 funcionários serão vacinados graças as 2,5 milhões de doses adquiridas, que devem alcançar ainda um total de 1,25 milhão de pessoas. A intenção da associação é que, após a vacinação dos funcionários, o grupo consiga também vacinar as famílias dos colaboradores.

Leia mais!

Iniciativas privadas para vacinação ainda são muito debatidas na América Latina, enquanto na Colômbia e México a ação já é uma realidade, no Brasil não se sabe quando as empresas serão permitidas ter tal autonomia. Para muitos, o projeto ajudaria a acelerar a vacinação dos brasileiros, que segue a conta gotas e tem apenas 16,8% da população devidamente vacinada com as duas doses do imunizante contra a Covid-19.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos