Mercado fechará em 6 h 33 min
  • BOVESPA

    100.774,57
    -1.140,88 (-1,12%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.007,16
    +308,44 (+0,62%)
     
  • PETROLEO CRU

    65,76
    +0,19 (+0,29%)
     
  • OURO

    1.778,70
    -5,60 (-0,31%)
     
  • BTC-USD

    56.192,56
    -1.064,21 (-1,86%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.435,51
    -33,57 (-2,29%)
     
  • S&P500

    4.513,04
    -53,96 (-1,18%)
     
  • DOW JONES

    34.022,04
    -461,68 (-1,34%)
     
  • FTSE

    7.105,85
    -62,83 (-0,88%)
     
  • HANG SENG

    23.788,93
    +130,01 (+0,55%)
     
  • NIKKEI

    27.753,37
    -182,25 (-0,65%)
     
  • NASDAQ

    15.861,25
    -8,50 (-0,05%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4193
    -0,0275 (-0,43%)
     

Empresas da América do Norte estão "contratando" robôs em número recorde

·1 min de leitura
De acordo com o grupo A3, o valor investido em robôs chegou a US$ 1,48 bilhão. Foto: Getty Images.
De acordo com o grupo A3, o valor investido em robôs chegou a US$ 1,48 bilhão. Foto: Getty Images.
  • A América do Norte adicionou um número recorde de robôs nos negócios durante os nove primeiros meses de 2021;

  • Fábricas e outros clientes industriais encomendaram 29 mil robôs, número 37% acima do mesmo período de 2020;

  • De acordo com a Association for Advancing Automation, o valor investido foi de US$ 1,48 bilhão.

Durante os primeiros nove meses de 2021, empresas da América do Norte incluíram um número recorde de robôs para acelerar as linhas de montagem, enquanto lutavam para conseguir novos funcionários.

Fábricas e outros clientes industriais encomendaram 29 mil robôs, ou seja, valor 37% acima do mesmo período de 2020. De acordo com o grupo Association for Advancing Automation, conhecido pela sigla A3, o valor investido chegou a US$ 1,48 bilhão. Ou seja, o número extrapolou o último pico estabelecido, em 2017.

Leia também:

A ação de rapidamente adicionar robôs é parte de um grande investimento, visto que as empresas estão tentando acompanhar a demanda do mercado.

Algumas companhias vêm lutando para atrair trabalhadores afetados pela pandemia, utilizando as máquinas como alternativa para os humanos em linhas de montagem.

Diversos setores da economia estão sendo invadidos por robôs, como as montadoras, que há muito tempo já compram as versões industriais. Contudo, em 2020, as vendas somadas para outros negócios ultrapassaram a área automotiva pela primeira vez.

Desse modo, de acordo com A3, durante os primeiros nove meses de 2021, os pedidos de robôs automotivos aumentaram 20%, ou seja, 12.554 unidades.

As informações são do CNN Business.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos