Mercado abrirá em 2 h 10 min
  • BOVESPA

    107.005,22
    +758,07 (+0,71%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.289,91
    +895,88 (+1,78%)
     
  • PETROLEO CRU

    112,69
    +0,48 (+0,43%)
     
  • OURO

    1.842,90
    +1,70 (+0,09%)
     
  • BTC-USD

    30.294,85
    +1.133,44 (+3,89%)
     
  • CMC Crypto 200

    675,97
    +23,73 (+3,64%)
     
  • S&P500

    3.900,79
    -22,89 (-0,58%)
     
  • DOW JONES

    31.253,13
    -236,94 (-0,75%)
     
  • FTSE

    7.435,00
    +132,26 (+1,81%)
     
  • HANG SENG

    20.717,24
    +596,56 (+2,96%)
     
  • NIKKEI

    26.739,03
    +336,19 (+1,27%)
     
  • NASDAQ

    12.059,75
    +181,50 (+1,53%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1807
    -0,0381 (-0,73%)
     

Empresa de segurança faz alerta sobre metaverso

·2 min de leitura
Homem abrindo e-mail no metaverso, perigo alerta cuidado
Homem abrindo e-mail no metaverso, perigo alerta cuidado

Uma empresa de segurança cibernética alertou para os riscos de identidade no ambiente do metaverso. O termo surgiu há várias décadas, mas a maturidade da tecnologia atual permite que aplicações no metaverso sejam enfim colocadas em prática.

Dessa forma, várias empresas e pessoas já esperam ingressar nesse ambiente para colocar suas marcas em destaque.

Uma das empresas que anunciou a chegada no setor foi a Adidas, que agora será seguida pela rival Puma, que também já deixou claro que prepara sua entrada no setor. O movimento ganhou mais força com a chegada da empresa ex-Facebook, agora Meta, que deverá criar inovações no setor.

Apesar de ser considerado promissor no campo da tecnologia, os riscos devem ser avaliados pelos usuários.

Riscos de identidade no metaverso são muitos e devem ser avaliados, alerta Kaspersky

A Kaspersky publicou na última terça-feira (18) um guia sobre a proteção da identidade pessoal no ambiente do metaverso. Para a empresa, essa inovação deverá trazer riscos a usuários desatentos com esses detalhes.

Dessa forma, fica claro que a nova tecnologia que está ganhando adoção já chega mostrando que nem tudo são flores.

Um dos pontos destacados pela Kaspersky é justamente com relação ao roubo de identidade das pessoas no ambiente do metaverso, assim como o sequestro de contas por login.

Caso isso ocorra, uma conta de um usuário poderia ser utilizada pelos invasores para chantagear a vítima, roubar dinheiro associado a conta do metaverso dela ou até usar o avatar para abordar conhecidos e pedir moedas como pagamento.

A empresa ainda alerta para os esquemas de engenharia social no metaverso, principalmente aqueles relacionados a namoros virtuais. Como essas aplicações deverão ser criadas, como o Tinder já anunciou que pretende fazer, por exemplo, isso acarreta em riscos com as práticas de catfishing, perseguição e doxing.

Problemas ligados ao blockchain?

Alguns metaversos mais famosos hoje estão ligados a tecnologia blockchain e de criptomoedas, como o Decentraland, The Sandbox, entre vários outros. Dessa forma, a Kaspersky alerta que as pessoas devem proteger suas carteiras para acessar esses ambientes, que podem oferecer alguns riscos de identidade.

Outro risco que a empresa prega cautela tem relação com a privacidade, visto que esses metaversos serão ambientes de interações sociais e, desse modo, é fundamental proteger dados pessoais.

Por fim, o risco dever ser considerado por pais que deixam seus filhos acessarem ambientes de metaverso, pois as crianças são vítimas fáceis para potenciais infratores do metaverso. Com esses problemas identificados e mitigados, as pessoas poderão entrar nas plataformas do setor com mais segurança.

Fonte: Livecoins