Mercado abrirá em 7 h 49 min
  • BOVESPA

    96.582,16
    +1.213,40 (+1,27%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    36.801,37
    -592,34 (-1,58%)
     
  • PETROLEO CRU

    36,40
    +0,23 (+0,64%)
     
  • OURO

    1.877,10
    +9,10 (+0,49%)
     
  • BTC-USD

    13.439,67
    -47,57 (-0,35%)
     
  • CMC Crypto 200

    263,46
    +20,78 (+8,56%)
     
  • S&P500

    3.310,11
    +39,08 (+1,19%)
     
  • DOW JONES

    26.659,11
    +139,16 (+0,52%)
     
  • FTSE

    5.581,75
    -1,05 (-0,02%)
     
  • HANG SENG

    24.572,33
    -14,27 (-0,06%)
     
  • NIKKEI

    23.171,48
    -160,46 (-0,69%)
     
  • NASDAQ

    11.204,25
    -138,50 (-1,22%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,7545
    +0,0089 (+0,13%)
     

Empresa promete transformar entes queridos mortos em pedras portáteis

Marcus Couto
·1 minuto de leitura
Parting Stone transforma cinzas de entes queridos em pedras
Parting Stone transforma cinzas de entes queridos em pedras

Uma empresa americana pretende remodelar (literalmente) a forma como lidamos com os mortos. É a Parting Stone – que transforma restos mortais de entes queridos, inclusive pets, em pedras.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Finanças no Google News

A empresa utiliza uma tecnologia de solidificação para transformar as cinzas em pedras lisas, semelhantes às que se acumulam em margens de rios. Segundo o fundador, sua textura se assemelha à cerâmica.

Leia também

Para fazer o processo, a empresa primeiro envia um kit de coleta, onde o usuário deposita as cinzas de seus entes queridos, e as devolve para a empresa em uma bolsa. Aí a empresa “refina” as cinzas e adiciona uma resina que gera um material semelhante à argila.

Por fim, as pedras são moldadas e depois solidificadas em um forno. As etapas finais são de polimento e de envio de volta ao cliente, que passa a ter os restos mortais em um formato mais portátil e estético.

Para transformar os restos de um ser humano em pedra, a empresa cobra cerca de US$ 595. O valor do serviço para cinzas de cachorros custa US$ 295, e para gatos, US$ 245. As informações são do site Business Insider.

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Finanças no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube