Mercado fechado
  • BOVESPA

    117.669,90
    -643,33 (-0,54%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.627,67
    -560,48 (-1,16%)
     
  • PETROLEO CRU

    59,34
    -0,26 (-0,44%)
     
  • OURO

    1.744,10
    -14,10 (-0,80%)
     
  • BTC-USD

    59.664,11
    +1.160,56 (+1,98%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.235,89
    +8,34 (+0,68%)
     
  • S&P500

    4.128,80
    +31,63 (+0,77%)
     
  • DOW JONES

    33.800,60
    +297,03 (+0,89%)
     
  • FTSE

    6.915,75
    -26,47 (-0,38%)
     
  • HANG SENG

    28.698,80
    -309,27 (-1,07%)
     
  • NIKKEI

    29.768,06
    +59,08 (+0,20%)
     
  • NASDAQ

    13.811,00
    +63,25 (+0,46%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,7625
    +0,1276 (+1,92%)
     

Empresa espanhola negocia com a Rússia produção da vacina Sputnik V

·1 minuto de leitura
Vacina Sputnik espera autorização da UE

A empresa espanhola Zendal está em negociações com a Rússia para produzir a vacina anticovid Sputnik V, disse nesta terça-feira (16) à AFP o líder de um fundo de investimento que participa das discussões.

"As negociações estão em andamento, mas não estão finalizadas", explicou Pedro Mouriño, presidente do fundo de investimento IberAtlantic.

Mouriño também é cônsul honorário da Rússia em Galicia, região do noroeste espanhol onde está sediada a empresa Zendal.

"Estou otimista para alcançar o acordo, mas no momento não há acordo", reiterou Mouriño.

O grupo biofarmacêutico Zendal fabrica principalmente vacinas tanto para humanos quanto para animais.

Contatada pela AFP, uma porta-voz do Zendal recusou confirmar as negociações sobre o caso particular da Sputnik V.

"Estamos recebendo distintas propostas, já que somos o único fabricante autorizado na Espanha para vacinas de saúde humana em nível industrial e dos poucos na Europa", disse a porta-voz, acrescentando que de qualquer maneira as "negociações são confidenciais".

O Fundo Russo de Investimento Direto (RDIF) anunciou na segunda-feira acordos de produção da Sputnik V "com empresas da Itália, Espanha, França e Alemanha", à espera de sua homologação na União Europeia (UE).

Em 9 de março, foi anunciado um primeiro acordo de produção na Itália com a empresa farmacêutica italiana-suíça Adienne.

Nenhum outro acordo foi confirmado.

Nesta segunda-feira, o Ministério da Saúde espanhol disse não ter "evidências de que algum contrato tenha sido formalizado para a fabricação da vacina na Espanha".

emi/du/mb/aa