Mercado fechará em 5 h 13 min
  • BOVESPA

    108.829,86
    +816,39 (+0,76%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.823,23
    -408,97 (-0,77%)
     
  • PETROLEO CRU

    86,48
    -0,48 (-0,55%)
     
  • OURO

    1.845,60
    +2,40 (+0,13%)
     
  • BTC-USD

    42.384,51
    +222,53 (+0,53%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.006,74
    +11,99 (+1,21%)
     
  • S&P500

    4.532,76
    -44,35 (-0,97%)
     
  • DOW JONES

    35.028,65
    -339,82 (-0,96%)
     
  • FTSE

    7.580,89
    -8,77 (-0,12%)
     
  • HANG SENG

    24.952,35
    +824,50 (+3,42%)
     
  • NIKKEI

    27.772,93
    +305,70 (+1,11%)
     
  • NASDAQ

    15.174,25
    +140,75 (+0,94%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1422
    -0,0252 (-0,41%)
     

Empresa diz que pagará 200 mil dólares a quem ceder rosto para nova linha de robôs

·1 min de leitura

RIO - Uma empresa americana de robótica anunciou nesta semana uma campanha em que promete dar U$ 200 mil para quem ceder para sempre os direitos de uso do próprio rosto em uma nova linha de robôs. Como as máquinas estão sendo desenvolvidas para trabalhar em hotéis e shoppings, há o requisito de que se trate de um "rosto amigável".

Não há requisitos relativos à idade ou gênero.

De acordo com a nota emitida pela companhia Promobot, a nova linha de autômatos está sendo elaborada a pedido de uma empresa americana que trabalha com aeroportos, shoppings e lojas na América do Norte e Oriente Médio. A ideia é que o produto seja lançado em 2023.

A empresa Promobot foi criada em 2013 na Rússia. Os serviços de seus robôs já foram contratados em 43 países. Robôs da empresa já trabalham como atendentes e recepcionistas no Aeroporto Internacional de Baltimore-Washington, em Maryland, nos Estados Unidos, e no Dubai Mall, nos Emirados Árabes Unidos.

Veja abaixo vídeo de um dos robôs da empresa em operação no Aeroporto de Baltimore-Washington, em que trabalha tirando dúvidas de passageiros sobre seus voos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos