Mercado abrirá em 9 h 4 min
  • BOVESPA

    106.419,53
    -2.295,02 (-2,11%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.206,59
    +372,79 (+0,72%)
     
  • PETROLEO CRU

    84,03
    -0,62 (-0,73%)
     
  • OURO

    1.790,70
    -2,70 (-0,15%)
     
  • BTC-USD

    60.552,13
    -2.223,55 (-3,54%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.469,17
    -35,98 (-2,39%)
     
  • S&P500

    4.574,79
    +8,31 (+0,18%)
     
  • DOW JONES

    35.756,88
    +15,73 (+0,04%)
     
  • FTSE

    7.277,62
    +54,80 (+0,76%)
     
  • HANG SENG

    25.596,15
    -442,12 (-1,70%)
     
  • NIKKEI

    28.946,61
    -159,40 (-0,55%)
     
  • NASDAQ

    15.529,00
    -16,00 (-0,10%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4564
    +0,0023 (+0,04%)
     

Emenda da reeleição foi maior erro político do país, diz Guedes

·1 minuto de leitura
Ministro da Economia, Paulo Guedes

BRASÍLIA (Reuters) - O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse nesta quarta-feira que a emenda da reeleição foi o pior erro político que o país já cometeu e, citando o comportamento de antecessores do presidente Jair Bolsonaro, como Fernando Henrique Cardoso e Dilma Rousseff, afirmou que a medida impôs uma "obsessão pela reeleição" nos primeiros mandatos.

O comentário foi feito durante entrevista ao programa "Pingos nos Is", da Jovem Pan, ao ser questionado se Bolsonaro está atualmente interferindo mais na agenda econômica do governo. Guedes disse que o "componente político" reduz o viés liberal do governo, o que considera natural.

"Evidentemente que o componente político vai diminuindo um pouco a intensidade do vetor liberal, mas eu digo que ainda estamos aí com 60% na direção certa", disse Guedes.

(Por Isabel Versiani)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos