Mercado abrirá em 4 h 9 min
  • BOVESPA

    129.441,03
    -634,97 (-0,49%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.286,46
    +400,16 (+0,79%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,64
    +0,73 (+1,03%)
     
  • OURO

    1.858,60
    -21,00 (-1,12%)
     
  • BTC-USD

    39.634,36
    +4.055,48 (+11,40%)
     
  • CMC Crypto 200

    985,81
    +44,00 (+4,67%)
     
  • S&P500

    4.247,44
    +8,26 (+0,19%)
     
  • DOW JONES

    34.479,60
    +13,40 (+0,04%)
     
  • FTSE

    7.158,35
    +24,29 (+0,34%)
     
  • HANG SENG

    28.842,13
    +103,23 (+0,36%)
     
  • NIKKEI

    29.161,80
    +213,07 (+0,74%)
     
  • NASDAQ

    14.027,00
    +32,75 (+0,23%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1908
    -0,0018 (-0,03%)
     

Embraer recebe encomenda de mais 50 “carros voadores”

·3 minuto de leitura
Embraer recebe encomenda de mais 50 “carros voadores”
Embraer recebe encomenda de mais 50 “carros voadores”

A Embraer anunciou na última segunda-feira (7) mais um acordo de venda de seu “carro voador“, cujo projeto ainda está em desenvolvimento. A parceria entre a Eve Urban Air Mobility e a Helisul Aviation, empresa que opera helicópteros na América Latina, inclui pedido inicial de até 50 veículos elétricos de decolagem e pouso vertical (eVTOL), com entregas previstas para começar em 2026.

Na semana passada, a fabricante brasileira de aviões divulgou que recebeu uma encomenda de 200 unidades de eVTOL para a Halo, companhia que fornece serviços de helicópteros e mobilidade aérea urbana privada nos Estados Unidos (EUA) e no Reino Unido. As entregas, assim como com a Helisul, também devem começar em cinco anos.

eVTOL da Embraer: veículo é proposto para uso em grandes centros urbanos. Imagem: Divulgação/Embraer
eVTOL da Embraer: veículo é proposto para uso em grandes centros urbanos. Imagem: Divulgação/Embraer

“Esta parceria com a Eve é motivo de muita satisfação para a Helisul. A Eve consegue antecipar as necessidades do mercado e a Helisul pretende seguir os seus passos lado a lado. Com as cidades cada vez maiores e o trânsito mais e mais congestionado, nossa parceria para construir soluções e práticas inteligentes para a mobilidade aérea vai melhorar a qualidade de vida nas grandes cidades, reduzindo a poluição e o tempo de deslocamento das pessoas, com uma opção de transporte porta a porta”, disse Luis Carlos Munhoz da Rocha, Diretor Comercial da Helisul Aviation.

“Soluções disruptivas de mobilidade aérea urbana podem trazer o mesmo tipo de benefícios que a aviação trouxe para viagens mais longas, tornando-as mais acessíveis, oferecendo aos passageiros urbanos mais opções de deslocamento. Nossa parceria com a Helisul nos permite inovar a infraestrutura de táxi aéreo do Brasil, que já é grande, e prepará-la para o futuro do transporte aéreo. Nossa equipe irá fornecer serviços abrangentes, incluindo soluções de gerenciamento de tráfego aéreo urbano, e se beneficiará do conhecimento único que a Helisul tem nesse mercado”, explicou Andre Stein, presidente e CEO da Eve Urban Air Mobility.

Inicialmente, as empresas vão trabalhar com helicópteros para validar parâmetros que possam ser usados, mais tarde, pelos “carros voadores”. A parceria entre Embraer e a Helisul ainda aborda o desenvolvimento de produtos e serviços que permitam a operação do eVTOL, como soluções de gerenciamento de tráfego aéreo.

Leia mais:

Além dos acordos com a Halo e a Helisul, a Embraer divulgou também que está desenvolvendo um eVTOL em uma parceria com a Uber, que pretende realizar voos comerciais a partir de 2023. No entanto, esse prazo é considerado apertado por participantes do mercado.

A Eve, empresa independente criada pela Embraer para acelerar o desenvolvimento do ecossistema de mobilidade aérea urbana (UAM) no mundo, tem estudado vários projetos nos últimos anos para criar uma a infraestrutura de táxi aéreo no País para o uso por eVTOLs – que tem sido apelidade de “carro voador”, mas na verdade funciona como um helicóptero elétrico que, por ter hélices diferentes, realiza pousos e decolagens mais suaves.

Em todo o mundo, ao menos 140 projetos de eVTOL estão sendo desenvolvidos. O setor acredita que o novo veículo transformará a aviação ao oferecer viagens mais baratas do que as de helicópteros. A grande mudança tecnológica será que os elétricos, futuramente, não precisarão de pilotos, e por ser movido a bateria, o carro voador não vai emitir poluentes e fará menos barulho do que aviões e etc.

Já assistiu aos nossos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!