Mercado fechado
  • BOVESPA

    121.800,79
    -3.874,54 (-3,08%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.868,32
    -766,28 (-1,48%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,81
    +0,19 (+0,26%)
     
  • OURO

    1.812,50
    -18,70 (-1,02%)
     
  • BTC-USD

    41.517,08
    +2.488,29 (+6,38%)
     
  • CMC Crypto 200

    955,03
    +5,13 (+0,54%)
     
  • S&P500

    4.395,26
    -23,89 (-0,54%)
     
  • DOW JONES

    34.935,47
    -149,06 (-0,42%)
     
  • FTSE

    7.032,30
    -46,12 (-0,65%)
     
  • HANG SENG

    25.961,03
    -354,29 (-1,35%)
     
  • NIKKEI

    27.283,59
    -498,83 (-1,80%)
     
  • NASDAQ

    14.966,50
    -71,25 (-0,47%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1880
    +0,1475 (+2,44%)
     

Embraer confirma parceria em mobilidade aérea urbana no Brasil

·2 minuto de leitura

A Embraer anunciou uma parceria com a EDP, empresa que atua em todos os segmentos do setor elétrico brasileiro, para colaborações na área de Mobilidade Aérea Urbana (UAM).O acordo prevê a cooperação na pesquisa de modelos operacionais para soluções de infraestrutura de carregamento necessárias para permitir que aeronaves elétricas de decolagem e pouso vertical (eVTOL), os carros elétricos da fabricante, comecem a operar.

A parceria, que terá como principal elo a Eve, braço da Embraer designado para o desenvolvimento do eVTOL, gira em torno de pesquisas colaborativas sobre a evolução da tecnologia de baterias e sistemas de carregamento, gerenciamento de pontos de carregamento e sistemas de pagamento. Juntas, as empresas vão avaliar o desenvolvimento de uma infraestrutura energética de UAM (Mobilidade Aérea Urbana) viável após os resultados da análise.

“Nossa colaboração com a EDP é um importante passo para o desenvolvimento da Eve enquanto trabalhamos para trazer nosso eVTOL de emissão zero ao mercado. A análise de energia e as soluções de infraestrutura são extremamente importantes para contribuir para a redução de carbono e garantir que estamos cumprindo as metas do setor. Para nós, na Eve, este é o próximo passo na preparação do ecossistema de UAM para o futuro do voo urbano”, disse André Stein, presidente & CEO da Eve, em comunicado.

A participação mais ativa da EDP será com o fornecimento de sua expertise em soluções de carregamento, que, a princípio, devem ser bem parecidas com a dos automóveis. A empresa possui mais de 1.500 estações elétricas em todo o mundo e a ideia da Embraer é encontrar maneiras de instalar esses centros de carregamento pelas cidades, local onde os eVTOLs da fabricante brasileira devem operar com mais frequência.

Os Vertiportos da Embraer poderão contar com os carregadores da EDP (Imagem: Felipe Ribeiro/Canaltech)
Os Vertiportos da Embraer poderão contar com os carregadores da EDP (Imagem: Felipe Ribeiro/Canaltech)

As soluções a serem pesquisadas incluem a tecnologia e equipamentos para carregamento de eVTOLs em vertiportos, requisitos e disponibilidade de energia, infraestrutura em estações de carregamento, gestão de cargas e formatos de negócios, gestão e fornecimento de energia, logística de operação e integração com o sistema de gerenciamento e controle de voo.

O eVTOL, ou carro voador, da Embraer deve realizar seu primeiro voo com o protótipo em tamanho natural até o final de 2021.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos