Mercado fechará em 6 h 21 min

Em menos de uma semana, Caixa registra R$ 60 milhões em pagamentos via QR Code

Claudio Yuge

Desde a semana passada, a Caixa Econômica Federal vem ampliando o suporte para formas alternativas de pagamento, com o objetivo de desobstruir suas redes e facilitar aos beneficiados os depósitos do Auxílio Emergencial da pandemia do novo coronavírus (SARS-CoV-2). Desde a semana passada, os usuários podem fazer pagamento em maquininhas da Cielo. E, em menos de uma semana, o banco já contabiliza mais de R$ 60 milhões de transações com QR Code.

Até agora, as transações realizadas dessa forma e com o cartão de débito virtual da Caixa para o Auxílio Emergencial somaram R$ 2,16 bilhões, sendo R$ 2,10 bilhões feitos com o cartão poupança e R$ 60 milhões com o código — ou seja, ainda que não seja tão utilizado na comparação com meios tradicionais, essa forma de pagamento vem realmente desafogando os milhões de acessos à rede principal. Os dados foram contabilizados até a quarta-feira (3), lembrando que as compras com QR Code foram liberadas na sexta passada, dia 29 de maio.

Já foram realizados 594,7 mil de saques, com um total de R$ 399,1 milhões. O cartão digital soma 732,4 mil transações, das quais 469,8 mil foram pagamentos de boletos ou de concessionárias; e 262,6 mil foram realizadas por meio do débito virtual do cartão Caixa Tem, com um montante de R$ 155,6 milhões.

O app Auxílio Emergencial, que vizabiliza o cadastro para receber o benefício do governo federal, está disponível tanto para iOS quanto para Android e. até o momento. acumula 92,9 milhões de downloads na soma de ambas as plataformas. Já o Caixa Tem foi baixado mais de 113,1 milhões de vezes nos aparelhos com sistemas operacionais da Apple e do Google.

Fonte: Canaltech