Mercado fechado
  • BOVESPA

    111.439,37
    -2.354,91 (-2,07%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.307,71
    -884,62 (-1,69%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,96
    -0,65 (-0,90%)
     
  • OURO

    1.753,90
    -2,80 (-0,16%)
     
  • BTC-USD

    48.735,14
    +779,29 (+1,62%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.193,48
    -32,05 (-2,62%)
     
  • S&P500

    4.432,99
    -40,76 (-0,91%)
     
  • DOW JONES

    34.584,88
    -166,44 (-0,48%)
     
  • FTSE

    6.963,64
    -63,84 (-0,91%)
     
  • HANG SENG

    24.920,76
    +252,91 (+1,03%)
     
  • NIKKEI

    30.500,05
    +176,71 (+0,58%)
     
  • NASDAQ

    15.530,00
    +12,25 (+0,08%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1994
    +0,0146 (+0,24%)
     

Em menos de meia hora, criptmoeda da CBF arrecada R$ 90 milhões

·1 minuto de leitura
  • 13.658 pessoas compraram a moeda digital da CBF ao preço de 0,50 euros cada;

  • Transação gerou arrecadação de 15 milhões de euros (R$ 90 milhões) aos cofres da entidade esportiva;

  • A criptomoeda da CBF será disponibilizada para negociação pública no final de agosto;

Em parceria com a empresa turca Bitci, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) vendeu 30 milhões de tokens de um criptoativo na última terça-feira (27/07). Em menos de meia hora, 13.658 pessoas compraram a moeda digital da CBF ao preço de 0,50 euros cada, gerando uma arrecadação de 15 milhões de euros (R$ 90 milhões) aos cofres da entidade esportiva.

Incluída na categoria de “utility tokens”, ativos que podem ser trocados por algum tipo de benefício exclusivo, a moeda da CBF pode ser oferecida aos fãs. Os donos desses ativos podem, por exemplo, participar de eventos privados, comprar produtos exclusivos, participar de sorteios etc.

Leia também:

A venda da criptomoeda foi realizada pela Bitci, dona de uma moeda própria, o bitcicoin, e do próprio blockchain onde serão negociadas as criptomoedas da seleção brasileira e de times como o Real Betis (Espanha), Rangers (Escócia), seleção do Uruguai, seleção da Espanha, MotoGP e a McLaren, da Fórmula 1.

Programada para acontecer no dia 25 de agosto, quando a Bitci liberará o ativo para negociação pública, a próxima rodada de negociações com os tokens restantes, cerca de 70 milhões, listará a criptomoeda da CBF com o ticker BFT (Brazilian Football Team).

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos