Mercado abrirá em 2 h 3 min
  • BOVESPA

    121.801,21
    -1.775,35 (-1,44%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.195,43
    -438,48 (-0,85%)
     
  • PETROLEO CRU

    68,27
    +0,12 (+0,18%)
     
  • OURO

    1.813,90
    -0,60 (-0,03%)
     
  • BTC-USD

    37.996,34
    -50,65 (-0,13%)
     
  • CMC Crypto 200

    941,25
    +14,48 (+1,56%)
     
  • S&P500

    4.402,66
    -20,49 (-0,46%)
     
  • DOW JONES

    34.792,67
    -323,73 (-0,92%)
     
  • FTSE

    7.112,04
    -11,82 (-0,17%)
     
  • HANG SENG

    26.204,69
    -221,86 (-0,84%)
     
  • NIKKEI

    27.728,12
    +144,04 (+0,52%)
     
  • NASDAQ

    15.107,75
    +34,25 (+0,23%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1211
    +0,0028 (+0,05%)
     

Elon Musk testará rede de internet via satélite Starlink em duas remotas cidades chilenas

·2 minuto de leitura
Satélites da Starlink atravessam o céu do Uruguai em 7 de fevereiro de 2021

O bilionário sul-africano Elon Musk testará sua rede de internet via satélite Starlink, habilitando o serviço por um ano em duas cidades remotas e desconectadas do Chile, graças a um acordo anunciado nesta segunda-feira (5) pelo governo chileno.

A Starlink, um projeto da empresa espacial SpaceX de propriedade de Musk, acertou com o governo chileno o fornecimento de internet via satélite para comunidades rurais e/ou isoladas com problemas de conectividade digital, por meio de uma licença especial para a empresa realizar suas operações sem fins lucrativos, indicou uma declaração a Subsecretaria de Telecomunicações chilena.

"A Starlink foi projetada para comunidades remotas como Caleta Sierra e Sotomó", declarou Gwynne Shotwell, presidente e COO da SpaceX, no comunicado.

Caleta Sierra é uma pequena cidade localizada na região de Coquimbo, mais de 400 km ao norte de Santiago, onde vivem cerca de 170 pessoas em sua maioria dedicadas à pesca artesanal, mergulho e extração de algas nas costas no Oceano Pacífico.

Entretanto, Sotomó é uma vila com cem habitantes situada a cerca de 950 km a sul de Santiago, aninhada nas margens do rio Puelo e ao qual só se chega por via fluvial.

A Starlink se comprometeu a oferecer um potencial de download que varia de 50 a 150 Mb/s, com uma latência (o tempo que leva para enviar dados de um ponto a outro) de 20 a 40 milissegundos.

“Uma oferta suficiente para atividades relacionadas ao teletrabalho, entretenimento e educação” para ambas as populações, informa a nota.

Para fazer a conexão, a Starlink entregou kits de satélite que permitirão serviços gratuitos de internet por um ano. Após este período, ficou acertado que o custo será absorvido pelos municípios.

“Às vezes nossa geografia torna complexa a implantação de redes tradicionais de banda larga. Por isso, estamos orgulhosos de que a empresa Starlink tenha escolhido o Chile como um país pioneiro na América Latina para iniciar a implantação de seu projeto de Internet via satélite”, comemorou Gloria Hutt, ministra dos Transportes e Telecomunicações do Chile.

Musk disse na última quarta-feira em Barcelona que vai investir até 30 bilhões de dólares no projeto Starlink, que já colocou em órbita mais de 1.500 satélites e tem mais de 69.000 usuários ativos em uma dezena de países.

msa/pa/yow/am

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos