Mercado fechado

Elon Musk sugere que presos por maconha deveriam ser soltos

O empresário Elon Musk, líder da SpaceX, e também apoiador da ideia de que presos por maconha sejam liberados

O empresário sul-africano Elon Musk – que nos últimos meses tem estado no centro das atenções e de polêmicas, sugerindo que a pandemia do COVID-19 não é assim tão grave, entre outros assuntos – decidiu usar o Twitter para ecoar mais uma de suas controversas posições. Dessa vez, ele ganhou o apoio de muitas vozes progressistas ao sugerir que pessoas presas nos Estados Unidos por crimes relacionados à venda de maconha deveriam ser soltas. 

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Finanças no Google News

Nos EUA, a venda de cannabis em alguns estados é legal, e foi considerada negócio essencial, que se manteve aberto mesmo durante a pandemia, enquanto muitos outros serviços foram obrigados a fechar. Assim, segundo Musk, seria ilógico manter na prisão – em um sistema carcerário conhecido por suas falhas – pessoas que foram condenadas por crimes relacionados à venda de maconha. “Não faz sentido, não está certo”, escreveu Musk. 

Leia também

Antes de pronunciar essa opinião, o empresário avisou: “Isso provavelmente vai me colocar em apuros, mas eu sinto que eu preciso falar”. Musk se referia ao fato de já ter sido alvo de críticas anteriormente por ter aparecido em um vídeo, durante entrevista em um podcast, fumando maconha. Atualmente, ele ocupa cargos de liderança na SpaceX e na Tesla, duas das empresas mais inovadoras do mundo, atuando na fabricação de tecnologia aeroespacial e de veículos elétricos, respectivamente. 

Portanto, todas as ações dele são constantemente monitoradas por acionistas das empresas e até pela NASA – com quem a SpaceX tem grandes contratos de transporte de carga e astronautas para a Estação Espacial Internacional, entre outros projetos. 

Nesse caso, o post de Musk foi bem recebido, e ativistas pelos direitos humanos reconheceram o seu impacto positivo. Há um movimento nos Estados Unidos que luta para que pessoas presas por delitos menores associados à maconha sejam liberados.

O encarceramento em massa é um problema social nos Estados Unidos, que tem aparecido cada vez mais no debate público, principalmente com os recentes protestos por igualdade e justiça racial.

Siga o Yahoo Finanças no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.