Mercado fechado

Elon Musk alerta Ucrânia sobre risco de internet da Starlink ser alvo de ataque

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Elon Musk
Musk implementou satélites da Starlink na Ucrânia após apelo do vice-primeiro-ministro, Mykhailo Fedorov

(JIM WATSON/AFP via Getty Images)

  • Elon Musk alerta sobre riscos da internet da Starlink na Ucrânia

  • Bilionário pediu cuidado e disse que satélites podem ser alvos dos russos

  • Ele ainda orientou a camuflar os dispositivos e a usá-los apenas quando necessário

O bilionário Elon Musk publicou no Twitter, nesta sexta-feira (4), um alerta para que os ucranianos que usam a internet da Starlink tomem cuidado. De acordo com o empresário, a rede de satélites pode ser um alvo dos russos em meio à guerra.

"Aviso importante: A Starlink é o único sistema de comunicação não russo que ainda funciona em algumas partes da Ucrânia, então a probabilidade de ser alvo é alta. Por favor, use com cuidado", postou. A rede pertence à SpaceX, empresa fundada por Musk.

Leia também:

Ele ainda aconselhou que os usuários ativem o sistema “apenas quando necessário” e que coloquem as antenas “o mais longe possível das pessoas”. Musk ainda orientou a camuflar o dispositivo para evitar a detecção visual.

Um usuário da rede social aproveitou a oportunidade para perguntar se a Starlink poderia estar sob ameaça de um ataque cibernético, semelhante ao sofrido pela provedora de internet Viasat. A resposta do bilionário não foi animadora: “Quase todos os terminais de usuários da Viasat Ucrânia foram inutilizados permanentemente por um ataque cibernético russo no dia da invasão, então ... sim”.

Segundo o pesquisador de segurança da Universidade da Califórnia, Nicholas Weaver, qualquer pessoa que instale uma antena Starlink corre risco de ser “um alvo gigante em potencial”.

“Se um adversário tiver um avião especializado no ar, ele pode detectar o sinal [de um satélite] e se fixar nele”, explicou à CNN News.

Musk garante conexão de internet na Ucrânia

No sábado passado (26), o empresário anunciou no Twitter que implementou satélites da Starlink na Ucrânia, permitindo que a conexão de internet fosse retomada no país. “O serviço Starlink agora está ativo na Ucrânia”, publicou. “Mais terminais a caminho”.

A medida foi tomada depois de um apelo de Mykhailo Fedorov, vice-primeiro-ministro da Ucrânia, que tuitou para Musk: “Enquanto você tenta colonizar Marte, a Rússia tenta ocupar a Ucrânia! Enquanto seus foguetes pousam com sucesso do espaço, foguetes russos atacam. Pedimos que você forneça à Ucrânia estações Starlink e peça que russos sensatos se posicionem”.

O país enfrenta baixa conectividade com a internet desde que a Rússia invadiu seu território.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos