Mercado fechará em 1 h 17 min
  • BOVESPA

    112.383,05
    +493,16 (+0,44%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.347,57
    +204,57 (+0,39%)
     
  • PETROLEO CRU

    114,63
    +0,54 (+0,47%)
     
  • OURO

    1.857,80
    +3,90 (+0,21%)
     
  • BTC-USD

    28.394,84
    -1.131,32 (-3,83%)
     
  • CMC Crypto 200

    616,40
    -13,10 (-2,08%)
     
  • S&P500

    4.130,68
    +72,84 (+1,80%)
     
  • DOW JONES

    32.983,59
    +346,40 (+1,06%)
     
  • FTSE

    7.585,46
    +20,54 (+0,27%)
     
  • HANG SENG

    20.697,36
    +581,16 (+2,89%)
     
  • NIKKEI

    26.781,68
    +176,84 (+0,66%)
     
  • NASDAQ

    12.596,75
    +317,50 (+2,59%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,0859
    -0,0321 (-0,63%)
     

Eleva, de Lemann, vende escolas mais caras a grupo britânico

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
***ARQUIVO***POÁ, SP, 12.02.2019 - O empresário Jorge Paulo Lemann durante evento da ONG Gerando Falcões, em Poá, na Grande SP. (Foto: Bruno Santos/Folhapress)
***ARQUIVO***POÁ, SP, 12.02.2019 - O empresário Jorge Paulo Lemann durante evento da ONG Gerando Falcões, em Poá, na Grande SP. (Foto: Bruno Santos/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O grupo inglês de educação Inspired anunciou nesta sexta (6) a compra da divisão global do Eleva Educação, considerado um dos maiores do mundo em ensino básico. Foram vendidas 9 escolas com cerca de 7.000 estudantes matriculados, das quais 7 bilíngues de período integral e mensalidade na faixa de R$ 6.000.

O Eleva Educação pertence à gestora de recursos Gera Capital, que tem o empresário Jorge Paulo Lemann como um dos maiores acionistas, reunindo, no total, 27 escolas em 17 estados e no Distrito Federal.

Os britânicos adquiriram o segmento premium da rede brasileira, o que inclui a escola Eleva, com unidades em Rio de Janeiro, Brasília e Recife, o Centro Educacional Leonardo da Vinci, no Espírito Santo, as escolas Gurilândia e Land School, na Bahia, e a escola infantil Os Batutinhas, no Rio de Janeiro.

De acordo com comunicado publicado no site do grupo britânico nesta sexta-feira (6), a rede será renomeada.

No mesmo comunicado, Nadim Nsouli, CEO do Inspired, afirmou que a expansão dos negócios no Brasil é algo perseguido há alguns anos. A empresa também está inserida no segmento de inovações voltadas ao ensino, desenvolvendo soluções para atender o mercado de escolas privadas.

Em fevereiro do ano passado, a Eleva Educação fechou a compra da Cogna, outra gigante da educação privada, em um negócio milionário que envolvia a compra de 51 escolas da Saber, marca de educação básica, por R$ 964 milhões.

Na transação, o grupo Eleva comprou as redes Colégio pH, Centro Educacional Leonardo da Vinci, Colégio Lato Sensu, Sigma, Anglo 21, Anglo Alphaville, CEI (Natal), Colégio Integrado, Escola Santi, Colégio Visão, Colégio Pitágoras, Centro Integrado de Ensino (CIE), Colégio Maxi, NeoDNA, Escola Chave do Saber, Motivo e Colégio do Salvador. O grupo assumiu também as operações dos colégios Embraer.

Com o reposicionamento no mercado brasileiro, a intenção da Eleva Educação, segundo anunciaram os executivos do grupo, é voltar a se preparar para o lançamento de ações na Bolsa brasileira, o que esperam aconteça até 2023.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos