Mercado fechado
  • BOVESPA

    109.068,55
    -1.120,02 (-1,02%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.725,96
    -294,69 (-0,58%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,40
    -1,85 (-2,49%)
     
  • OURO

    1.799,00
    +16,60 (+0,93%)
     
  • BTC-USD

    16.844,43
    -150,39 (-0,88%)
     
  • CMC Crypto 200

    394,86
    -7,18 (-1,79%)
     
  • S&P500

    3.933,92
    -7,34 (-0,19%)
     
  • DOW JONES

    33.597,92
    +1,58 (+0,00%)
     
  • FTSE

    7.489,19
    -32,20 (-0,43%)
     
  • HANG SENG

    18.814,82
    -626,36 (-3,22%)
     
  • NIKKEI

    27.686,40
    -199,47 (-0,72%)
     
  • NASDAQ

    11.498,75
    -67,25 (-0,58%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,4660
    -0,0127 (-0,23%)
     

Eletrobras anuncia 1º plano de demissão voluntária após privatização, ao custo de R$ 1 bi

Logo da Eletrobras

(Reuters) - A Eletrobras anunciou o primeiro Plano de Demissão Voluntária (PDV) desde a privatização da companhia, segundo comunicado divulgado nesta sexta-feira.

O PDV custará cerca de 1 bilhão de reais e está sendo implantado simultaneamente nas empresas Eletrobras CGT Eletrosul, Chesf, Eletronorte e Furnas, além da própria holding.

O programa é voltado para empregados aposentados pela previdência oficial ou aposentáveis até 30 de abril de 2023, considerando critérios do próprio INSS – idade e tempo de contribuição exigidos respectivamente para os anos de 2022 e 2023. Em todas as empresas do grupo, há 2.312 colaboradores elegíveis ao plano.

Segundo a Eletrobras, o payback estimado é de 11,2 meses. O período de adesão será de 1º a 18 de novembro, e os desligamentos ocorrerão em turmas escalonadas entre dezembro e abril de 2023.

A Eletrobras afirmou, ainda, que O compromisso de abertura do PDV faz parte da proposta do Tribunal Superior do Trabalho (TST) para o Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) 2022/2024 e inclui a proposição de condições superiores às ofertadas na última versão do PDV, de 2019.

(Por Rafaella Barros)