Mercado fechado

Eleições 2020: Quantos votos um vereador precisa para ser eleito em Goiânia?

Redação Notícias
·1 minuto de leitura
Agência Brasil
Agência Brasil

As Eleições 2020 serão no dia 15 de novembro, e os brasileiros vão eleger um prefeito, vice-prefeito e 5.570 vereadores e a contagem de votos que é feito entre os dois cargos, são diferentes. E geralmente a dúvida maior é sobre a contagem realizada para eleger um prefeito.

Entenda como funciona em todos os municípios.

Mais sobre Eleições 2020:

Como um vereador é eleito?

Há uma conta que estabelece quantos votos mínimos é necessário para eleger um vereador. Consta em somar o número de votos válidos da cidade, e dividir pelo número de cadeiras.

Para entender melhor sobre coeficiente eleitoral e como funciona, clique aqui.

Definindo o número de vereadores por município:

Quem define o número máximo de vereadores é o O art. 29 da Constituição Federal, junto à Emenda n.º 58/2009. E a Lei que que decreta essa quantidade é a Lei Orgânica de cada município. Ou seja, o número máximo de vereadores depende da quantidade de habitantes.

Exemplo:

Uma cidade de 450 mil a 600 mil, é disponibilizado 25 vagas para vereadores.

Qual conta fazer para calcular quantos votos um vereador precisa para se eleger?

Em todas as cidades é feito uma conta: basta dividir o número votos válidos pela quantidade de cadeiras disponíveis. Então, vamos ver na prática um exemplo:

Se em Goiânia há 685 mil votos válidos (informação retirada com base na última eleição de 2016), foi disponibilizado 35 cadeiras de vereadores, então 1 vereador precisa de 19 mil votos para ser eleito.

Quantos votos elege um prefeito em Goiânia?

Número de votos válidos (685.000) / número de cadeiras (35) = 19 mil votos necessários para eleger um vereador em Goiânia.

Lembre-se que esse cálculo é feito com votos válidos, descontando os votos em branco ou nulos.