Mercado abrirá em 2 h 17 min
  • BOVESPA

    110.132,53
    +346,23 (+0,32%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    42.200,59
    -535,89 (-1,25%)
     
  • PETROLEO CRU

    45,00
    -0,71 (-1,55%)
     
  • OURO

    1.817,90
    +6,70 (+0,37%)
     
  • BTC-USD

    16.846,39
    -1.132,78 (-6,30%)
     
  • CMC Crypto 200

    325,38
    -45,14 (-12,18%)
     
  • S&P500

    3.629,65
    -5,76 (-0,16%)
     
  • DOW JONES

    29.872,47
    -173,77 (-0,58%)
     
  • FTSE

    6.364,68
    -26,41 (-0,41%)
     
  • HANG SENG

    26.819,45
    +149,70 (+0,56%)
     
  • NIKKEI

    26.537,31
    +240,45 (+0,91%)
     
  • NASDAQ

    12.192,75
    +40,50 (+0,33%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3401
    +0,0024 (+0,04%)
     

Eleições 2020: Boulos empata tecnicamente com Russomanno em SP; Covas segue na liderança

·2 minuto de leitura
Guilherme Boulos (PSOL) e Celso Russomanno (Republicanos) - Foto: Getty Images/Câmara dos Deputados/Montagem
Guilherme Boulos (PSOL) e Celso Russomanno (Republicanos) - Foto: Getty Images/Câmara dos Deputados/Montagem

Bruno Covas (PSDB), atual prefeito de São Paulo, segue na liderança da corrida na capital paulista. O deputado Celso Russomanno (Republicanos), que está em segundo, vê Guilherme Boulos (PSOL) avançar. De acordo com a pesquisa XP/Ipespe divulgada nesta quinta-feira (05), Boulos está tecnicamente empatado com Russomanno.

O atual prefeito aparece com 26% das intenções de voto. Russomanno tem 19%. Guilherme Boulos aparece na sequência, com 15%, tecnicamente empatado com o deputado do Republicanos, candidato apoiado por Jair Bolsonaro (sem partido) em São Paulo. Marcio França (PSD) tem 10%.

Leia também

O levantamento foi realizado em 2 e 3 de novembro. A margem de erro é de 3,5 pontos percentuais. Foram 800 eleitores ouvidos. O número de identificação na Justiça Eleitoral é SP-00875/2020.

Tanto Covas como Russomanno oscilaram negativamente em relação à pesquisa anterior da XP/Ipespe, divulgada no dia 29 de outubro. O tucano foi de 27% para 26%, enquanto o deputado caiu de 22% para 19%.

Boulos também caiu um ponto no mesmo período, mas sua distância para Russomanno também teve variação negativa, de 6 para 4 pontos percentuais, acirrando a disputa por uma vaga no segundo turno do pleito.

A pesquisa também simulou seis cenários diferentes de segundo turno. Confira abaixo:

2º TURNO:

O levantamento também indagou os eleitores sobre 6 possíveis cenários de 2º turno.

CENÁRIO 1

  • Bruno Covas (PSDB) – 49%;

  • Celso Russomanno (Republicanos) – 32%;

  • branco/nulo/nenhum – 17%;

  • não sabe/não respondeu – 2%.

CENÁRIO 2

  • Bruno Covas (PSDB) – 50%;

  • Guilherme Boulos (Psol) – 28%;

  • branco/nulo/nenhum – 19%;

  • não sabe/não respondeu – 3%.

CENÁRIO 3

  • Bruno Covas (PSDB) – 50%;

  • Márcio França (PSB) – 32%;

  • branco/nulo/nenhum– 16%;

  • não sabe/não respondeu – 3%.

CENÁRIO 4

  • Celso Russomanno (Republicanos) – 40%;

  • Guilherme Boulos (Psol)– 33%;

  • branco/nulo/nenhum– 24%;

  • não sabe/não respondeu – 3%.

CENÁRIO 5

  • Márcio França (PSB) – 39%;

  • Celso Russomanno (Republicanos) – 37%;

  • branco/nulo/nenhum– 22%;

  • não sabe/não respondeu – 3%.

CENÁRIO 6

  • Márcio França (PSB) – 39%;

  • Guilherme Boulos (Psol) – 28%;

  • branco/nulo/nenhum– 26%;

  • não sabe/não respondeu – 6%.