Mercado fechado
  • BOVESPA

    108.523,47
    -1.617,17 (-1,47%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    54.049,05
    +174,14 (+0,32%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,23
    -2,65 (-3,49%)
     
  • OURO

    1.877,70
    -53,10 (-2,75%)
     
  • BTC-USD

    23.090,38
    -320,40 (-1,37%)
     
  • CMC Crypto 200

    535,42
    -1,43 (-0,27%)
     
  • S&P500

    4.136,48
    -43,28 (-1,04%)
     
  • DOW JONES

    33.926,01
    -127,93 (-0,38%)
     
  • FTSE

    7.901,80
    +81,64 (+1,04%)
     
  • HANG SENG

    21.660,47
    -297,89 (-1,36%)
     
  • NIKKEI

    27.509,46
    +107,41 (+0,39%)
     
  • NASDAQ

    12.616,50
    -230,25 (-1,79%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5385
    +0,0488 (+0,89%)
     

El Salvador aprova lei de ativos digitais e reforça posição no mercado das criptomoedas

Centro histórico de San Salvador, capital de El Salvador
Centro histórico de San Salvador, capital de El Salvador

Na América Central, El Salvador dá mais um passo rumo ao mercado de criptomoedas, aprovando uma nova lei de ativos digitais no país. De acordo com o presidente Nayib Bukele, as regras contaram com maioria no Congresso local.

A novidade, aprovada na última quarta-feira (11), mostra que a adoção do bitcoin segue crescendo no primeiro país a adotar a moeda como curso legal.

Em breve, o país espera emitir seus primeiros títulos digitais, agora formalizados, associados ao bitcoin e a seus famosos vulcões.

El Salvador aprova lei de ativos digitais e presidente comemora apoio do legislativo

Ao comentar sobre a aprovação da lei, o presidente salvadorenho publicou em seu Twitter que o país “segue em frente”. A intenção da administração local é modernizar El Salvador, tornando o pequeno país uma referência em tecnologias e turismo.

“A Assembleia Legislativa de El Salvador acaba de aprovar, por esmagadora maioria, a nova Lei de Títulos Digitais! Em frente, sempre em frente.”

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Em uma explicação sobre a novidade, o perfil do “The National Bitcoin Office“, apoiado por Nayib Bukele, explicou que apenas o Bitcoin é uma moeda em El Salvador. As demais criptomoedas são consideradas pelo país como títulos.

De qualquer forma, agora contam com regulação própria e tal realidade abre o caminho para que o país emita seus títulos vulcânicos em blockchain.

“El Salvador é o epicentro da adoção do Bitcoin e, portanto, liberdade econômica, soberania financeira, resistência à censura e riqueza inconfiscável. Quando emitirmos o primeiro dos títulos do vulcão, estaremos mais uma vez abrindo caminho para esta nova revolução monetária.”

Lei de valores mobiliários para criptomoedas deve punir crimes no setor

Considerada uma lei de valores mobiliários, a nova legislação de ativos digitais deve proteger consumidores de fraudes no mercado de criptomoedas.

Além disso, abre o espaço para empresas sérias buscarem se regularizar e oferecer seus serviços no país.

Para regular o setor, a nova Comissão Nacional de Ativos Digitais terá a missão de aplicar a lei e fiscalizar o setor. Em caso de fraude financeira detectada, poderá aplicar multas e sanções, assim como a CVM no Brasil.

Em nota, o governo de El Salvador indicou que a atual administração tornou o país seguro e o mais forte da América Latina a proteger liberdades econômicas da população.

“A lei planta outra bandeira na história de El Salvador. Sob o presidente Bukele, El Salvador tornou-se não apenas o país mais seguro da América Latina, mas agora também o país com a proteção mais forte dos direitos de uma pessoa à liberdade econômica, soberania e prosperidade.”

Fonte: Livecoins

Veja mais notícias sobre Bitcoin. Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.