Mercado fechado

Elétrico Audi e-tron inicia pré-venda por R$ 459.990

feedback@motor1.com (Nicolas Tavares)
Audi e-tron - Fotos ao vivo

SUV tem autonomia de aproximadamente 400 km. Entregas estão previstas para o 1º semestre de 2020

A Audi cumpriu sua promessa e iniciou as vendas do e-tron, seu SUV 100% elétrico. Apresentado no Salão do Automóvel de São Paulo 2018, o crossover já rodava em testes no Brasil, mas ainda não estava disponível. Agora a fabricante abre a pré-venda do carro por R$ 459.990, ou por R$ 499.990 na versão Performance Black, com condições especiais para os primeiros clientes, como valorização de até R$ 20 mil na troca do usado. Porém, as entregas só serão feitas em 2020, com previsão de acontecer até maio.

O Audi e-tron é equipado com dois motores elétricos, um em cada eixo, entregando um total de 408 cv e 67,7 kgfm de torque. Conta com um conjunto de baterias de 95 kWh, com carga o suficiente para rodar por cerca de 400 km. Não perdeu a veia esportiva dos carros da Audi, sendo capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em 5,7 segundos, enquanto a velocidade máxima é limitada a 200 km/h, para não acabar com toda a energia.

E veja como ele anda

Quem comprar o e-tron na pré-venda receberá o wallbox para recarga completa em até 9 horas. Ele ainda pode usar uma tomada comum de 110V, precisando de 8 horas para encher a bateria. Pode também utilizar um dos postos de recarga rápida, recupera 80% da carga total em 30 minutos – o Grupo Volkswagen anunciou que irá instalar uma nova rede de recarga no estado de São Paulo para uso de todas as marcas do grupo.

Audi e-tron - Fotos ao vivo
Audi e-tron

Além de acionar o Wallbox no negócio, a Audi também dá uma valorização de até R$ 20 mil na troca pelo veículo usado do clientes. O e-tron terá quatro anos de garantia e revisões grátis pelo mesmo período, enquanto as baterias terão oito anos de garantia. A fabricante não revelou as diferenças entre a versão normal e a Performance Black.