Mercado fechado
  • BOVESPA

    110.909,61
    +2.127,46 (+1,96%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.174,06
    -907,27 (-1,78%)
     
  • PETROLEO CRU

    79,07
    +0,87 (+1,11%)
     
  • OURO

    1.764,50
    +0,80 (+0,05%)
     
  • BTC-USD

    16.856,72
    +668,84 (+4,13%)
     
  • CMC Crypto 200

    400,59
    +11,87 (+3,05%)
     
  • S&P500

    3.957,63
    -6,31 (-0,16%)
     
  • DOW JONES

    33.852,53
    +3,07 (+0,01%)
     
  • FTSE

    7.512,00
    +37,98 (+0,51%)
     
  • HANG SENG

    18.204,68
    0,00 (0,00%)
     
  • NIKKEI

    27.854,93
    -172,91 (-0,62%)
     
  • NASDAQ

    11.522,25
    -2,50 (-0,02%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,4613
    +0,0047 (+0,09%)
     

Edge 30 Ultra x Galaxy S22 Ultra x iPhone 14 Pro Max: qual escolher?

O poderoso Motorola Edge 30 Ultra foi lançado, e a pergunta que não quer calar é: será que ele é uma alternativa interessante aos Samsung Galaxy S22 Ultra e iPhone 14 Pro Max? Meus colegas analistas e eu testamos os três smartphones e coube a mim a tarefa de destacar todos os pontos positivos e negativos de cada modelo.

Construção e design

O Edge 30 Ultra deu um salto na construção e trouxe uma combinação de vidro e alumínio na carcaça e na moldura, assim como o S22 Ultra. Tecnicamente, entretanto, o aparelho da Motorola é inferior em relação ao rival, pois traz o antigo Gorilla Glass 5, contra o atual Gorilla Glass Victus do modelo da Samsung.

O iPhone 14 Pro Max também tem vidro na traseira, inclusive com o novo Ceramic Shield, só que com cantos de aço inoxidável — é bonito, mas acumula bastante marcas de dedos. No geral, entretanto, o desing é muito similar o que foi inaugurado com o iPhone 12.

iPhone 14 Pro Max é idêntico ao antecessor, mas módulo fotográfico é maior (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)
iPhone 14 Pro Max é idêntico ao antecessor, mas módulo fotográfico é maior (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)

Outro ponto no qual o Edge 30 Ultra perde para os concorrentes é o acabamento da tampa traseira. Nos meus testes, percebi uma certa fragilidade no acabamento aveludado, sendo suscetível a marcas facilmente. Além disso, ele não tem resistência à água, o colocando abaixo dos seus rivais nesse quesito.

Acabamento aveludado é bonito, mas me pareceu muito frágil (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)
Acabamento aveludado é bonito, mas me pareceu muito frágil (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)

Se você não liga muito para estes detalhes, devo destacar que o Edge 30 Ultra tem a melhor pegada, na minha opinião. Ele é bem leve, fino e com cantos arredondados, deixando a utilização muito agradável mesmo com a tela grande. O S22 Ultra e o iPhone 14 Pro Max são muito grandalhões e pouco confortáveis.

Tela

  • Motorola Edge 30 Ultra: pOLED 6,7 polegadas, Full HD, 144 Hz, HDR10+;

  • Samsung Galaxy S22 Ultra: Dynamic AMOLED 6,8 polegadas, Quad HD, 120 Hz, HDR10+;

  • iPhone 14 Pro Max: OLED 6,7 polegadas, 1.290 x 2.796 pixels, 120 Hz, HDR10.

As telas dos celulares premium normalmente são excelentes, mas dá para citar algumas diferenças bem importantes — ao menos na minha experiência. O Edge 30 Ultra melhorou bastante nesse quesito com seu painel pOLED, mas não curti a tonalidade padrão mais quente que a dos rivais.

Tanto o S22 Ultra como o iPhone 14 Pro Max possuem displays precisamente melhores, tendendo para o natural, mesmo sendo mais saturados. Nas configurações, ambos possuem modificações menos superficiais, ao contrário do Edge 30 Ultra.

Tela do S22 Ultra ganha dos rivais por resolução Quad HD e AMOLED Dinâmico excelente (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)
Tela do S22 Ultra ganha dos rivais por resolução Quad HD e AMOLED Dinâmico excelente (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)

Outro ponto importante é a resolução, que sobra no Galaxy S22 Ultra. Não que o Full HD dos rivais seja ruim, mas quanto mais definição melhor, ainda mais se tratando de uma tela acima de 6,7 polegadas.

Tecnicamente, o Edge 30 Ultra leva vantagem apenas na fluidez da tela devido à taxa de atualização de 144 Hz, contra 120 Hz do iPhone 14 Pro Max e do S22 Ultra. Na prática, no entanto, a experiência não é tão superior tanto em jogos como na interface do sistema. Os três são ótimos nesse quesito.

O celular da Apple, por outro lado, se destaca no brilho máximo, chegando a um pico inédito de 2.000 nits. Para comparação, o S22 Ultra era o campeão nesse quesito ao alcançar 1.750 nits, o que já era surpreendente. O Edge 30 Ultra sai atrás no brilho, chegando a, no máximo, 1.250 nits.

Desempenho e recursos extras

  • Motorola Edge 30 Ultra: Snapdragon 8+ Gen 1, 12 GB de RAM, 256 GB de ROM, Android 12;

  • Samsung Galaxy S22 Ultra: Snapdragon 8 Gen 1, 12 GB de RAM, até 512 GB de ROM, Android 12;

  • iPhone 14 Pro Max: Apple A16 Bionic, 6 GB de RAM, até 1 TB de ROM, iOS 16.

Eu não vou me alongar muito no campo de desempenho porque eles são, literalmente, o significado de “tanto faz”. O que você precisa saber é que o iPhone 14 Pro Max é o mais rápido com iOS, assim como os outros dois, mas na plataforma Android. Ou seja, é válido considerar qual dos SOs lhe é mais útil e agradável.

Uma questão importante é o suporte de atualizações de sistema, pois a Apple promete mais de cinco anos de updates geracionais do iOS, atualmente a marca mais preocupada com o longo prazo dos seus aparelhos. A Samsung, por outro lado, garante bons quatro anos de Android, enquanto a Motorola, apenas três anos.

Edge 30 Ultra é um dos celulares mais potentes do mercado (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)
Edge 30 Ultra é um dos celulares mais potentes do mercado (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)

Com relação aos recursos extras, o Galaxy S22 Ultra se destaca pela S Pen embutida, que pode ser um diferencial para produtores de conteúdos. O iPhone 14 Pro Max, por outro lado, tem maior compatibilidade com redes sociais, ou seja, é o melhor para stories do Instagram e TikTok. Ele também veio com um notch interativo, ausente nos concorrentes.

O Edge 30 Ultra, por sua vez, vem com os gestos tradicionais dos celulares da Motorola para ligar a lanterna e abrir a câmera, além da plataforma Ready For, semelhante ao modo DeX dos smartphones Galaxy.

Câmeras

  • Motorola Edge 30 Ultra: 200 MP (principal), 12 MP (telefoto), 50 MP (ultrawide), 60 MP (frontal);

  • Samsung Galaxy S22 Ultra: 108 MP (principal), 12 MP (ultrawide), 10 MP (telefoto 3x), 10 MP (telefoto 10x), 40 MP (frontal);

  • iPhone 14 Pro Max: 48 MP (principal), 12 MP (ultrawide), 12 (telefoto), 12 MP (frontal).

A Motorola sempre ficou atrás das rivais no quesito câmera, e o não foi o Edge 30 Ultra que reverteu esse quadro. Nos meus testes, achei os resultados do topo de linha ótimos, principalmente no que diz respeito à câmera principal de 200 MP. Em fotos de paisagens, as cores ficam ótimas e pouco artificiais.

Apesar de ter melhorado bastante, ainda percebi alguns probleminhas persistentes na linha. Um deles é a demora ao focar certos objetos pequenos; o outro é a infidelidade no tom da pele de pessoas pretas, principalmente durante a noite — em muitos casos, o celular me deixou com uma aparência alaranjada.

Esses problemas que encontrei no Edge 30 Ultra são inexistentes tanto no S22 Ultra como no iPhone 14 Pro Max, os quais possuem um pós-processamento mais profissional. Eu também preferi o desempenho dos modelos ao clicar com modo retrato, apresentando um tom de pele e desfoque de fundo mais naturais.

O S22 Ultra é o melhor dos três nas fotos com zoom, pois entrega resultados muito competentes até 30x de aproximação. Ele alcança até 100x, com uma considerável perda de qualidade, mas, ainda assim, aceitável.

Galeria de fotos do Motorola Edge 30 Ultra

Galeria de fotos do Galaxy S22 Ultra

Galeria de fotos do iPhone 14 Pro Max

Bateria e carregamento

  • Motorola Edge 30 Ultra: 4.610 mAh com carregamento rápido de 125 W;

  • Samsung Galaxy S22 Ultra: 5.000 mAh com carregamento rápido de 45 W;

  • iPhone 14 Pro Max: 4.323 mAh com carregamento rápido de 25 W.

O que mais chama a atenção no Edge 30 Ultra é a sua velocidade de carregamento de 125 W, muito superior à dos rivais. Nos meus testes, consegui recarregar o aparelho completamente em menos de 20 minutos, algo surpreendente e inédito no mercado nacional.

Na autonomia de bateria, entretanto, o celular da Motorola ficou abaixo do iPhone 14 Pro Max e do S22 Ultra. Ao menos no nosso teste padrão da Netflix, o Edge 30 Ultra foi o grande perdedor, consumindo 29% de bateria em três horas de streaming, com estimativa total de 10 horas de uso.

O iPhone, por outro lado, venceu a disputa com apenas 9% gastos, com estimativa total de cerca de 33 horas, enquanto o S22 Ultra ficou com uma aferição de cerca de 20 horas de uso.

Edge 30 Ultra x S22 Ultra x iPhone 14 Pro Max: qual escolher?

Pode parecer que não, mas é muito difícil ter que escolher entre três ótimos smartphones topos de linha. Mas, a verdade é que os três possuem pontos positivos e negativos que podem influenciar na sua escolha. Para facilitar o entendimento, separei abaixo os motivos pelos quais você deve considerar na hora de escolher entre um deles.

Por que comprar o Motorola Edge 30 Ultra?

  • Preço abaixo da média para um topo de linha desta categoria;

  • Design mais compacto e leve;

  • Carregamento de 125 W (de 0% a 100% em cerca de 20 minutos);

  • Interface próxima do 'Android puro', ou seja, sem muitas modificações.

Por que comprar o Samsung Galaxy S22 Ultra?

  • Construção robusta e à prova de água e poeira;

  • Tela Dynamic AMOLED Quad HD+ de altíssima qualidade;

  • Caneta S Pen com recursos de produtividade;

  • 4 anos de atualizações geracionais do Android;

  • Conjunto fotográfico excelente em todas as condições de iluminação.

Por que comprar o iPhone 14 Pro Max

  • Tela mais brilhante entre os celulares premium;

  • Desempenho mais fluido em relação aos rivais;

  • Câmeras mais equilibradas;

  • +5 anos de atualizações do iOS;

  • Bateria mais eficiente que a dos concorrentes.

E aí, esta matéria ajudou você? Então confira os links abaixo e aproveite as melhores ofertas!

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: