Mercado fechado
  • BOVESPA

    125.052,78
    -1.093,88 (-0,87%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.268,45
    +27,94 (+0,06%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,17
    +0,26 (+0,36%)
     
  • OURO

    1.802,10
    -3,30 (-0,18%)
     
  • BTC-USD

    34.011,36
    +528,32 (+1,58%)
     
  • CMC Crypto 200

    786,33
    -7,40 (-0,93%)
     
  • S&P500

    4.411,79
    +44,31 (+1,01%)
     
  • DOW JONES

    35.061,55
    +238,20 (+0,68%)
     
  • FTSE

    7.027,58
    +59,28 (+0,85%)
     
  • HANG SENG

    27.321,98
    -401,86 (-1,45%)
     
  • NIKKEI

    27.548,00
    +159,80 (+0,58%)
     
  • NASDAQ

    15.091,25
    +162,75 (+1,09%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1216
    +0,0014 (+0,02%)
     

EA compra Playdemic, estúdio de jogos mobile da Warner Bros, por US$ 1,4 bilhão

·2 minuto de leitura

O estúdio de jogos mobile Playdemic, pertencente à Warner Bros, foi comparado pela Eletronic Arts nesta semana por US$ 1,4 bilhão (equivalente a R$ 6,9 bilhões na cotação atual). A desenvolvedora é responsável por Golf Clash, disponível para Android, iOS e Facebook, um game de 1 contra 1 que já acumula mais de 80 milhões de downloads nas lojas.

No comunicado enviado à imprensa, é dito que a compra pretende expandir a estratégia dos títulos mobile da desenvolvedora. O material também reforça que a aquisição será uma importante adição ao portfólio móvel da EA, que já conta com mais de 15 aplicativos de serviço e jogos em gêneros variados, incluindo estilo de vida, casual, esportes e mid-core.

Andrew Wilson, CEO da Electronic Arts, disse que “além do sucesso contínuo de Golf Clash, o talento, a tecnologia e a experiência da Playdemic serão uma combinação poderosa com nossas equipes e IP na Electronic Arts". Segundo ele, "este é o próximo passo baseado em nossa estratégia de expandir nosso portfólio de esportes e acelerar nosso crescimento em dispositivos móveis para alcançar mais jogadores em todo o mundo com melhores jogos e conteúdo”.

David Haddad, presidente da Warner Bros Games, afirmou que “embora tenhamos grande respeito pela equipe da Playdemic, nossa decisão de desinvestir é parte de nossa estratégia geral para construir jogos baseados nas franquias históricas da Warner Bros”.

O valor final da compra ainda está sujeito a alterações e às aprovações regulatórias habituais; com o valor pago em dinheiro no fechamento e retido pela AT&T.

A EA já levou títulos importantes do esporte como FIFA, Madden, UFC e NBA para os dispositivos móveís; além de versões de The Sims, Sim City e Star Wars. No passado, também já desenvolveram jogos de golfe da PGA Tour, que agora estão nas mãos da 2K.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos