Mercado fechado
  • BOVESPA

    112.690,17
    +1.506,22 (+1,35%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    46.004,19
    -373,28 (-0,80%)
     
  • PETROLEO CRU

    64,01
    +0,18 (+0,28%)
     
  • OURO

    1.690,70
    -10,00 (-0,59%)
     
  • BTC-USD

    47.013,25
    -3.931,48 (-7,72%)
     
  • CMC Crypto 200

    942,04
    -45,17 (-4,58%)
     
  • S&P500

    3.768,47
    -51,25 (-1,34%)
     
  • DOW JONES

    30.924,14
    -345,95 (-1,11%)
     
  • FTSE

    6.650,88
    -24,59 (-0,37%)
     
  • HANG SENG

    29.236,79
    -643,63 (-2,15%)
     
  • NIKKEI

    28.616,91
    -313,20 (-1,08%)
     
  • NASDAQ

    12.378,50
    -76,50 (-0,61%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,7821
    -0,0038 (-0,06%)
     

Duas mulheres recebem três estrelas do Guia Michelin em Londres

Richard Vines
·2 minuto de leitura

(Bloomberg) -- A Michelin concedeu três estrelas a dois novos restaurantes em Londres, ambos com mulheres no comando.

Os prêmios anunciados na segunda-feira vão para Hélène Darroze, do Connaught, e Clare Smyth, do Core. Elas são as primeiras mulheres no Reino Unido a receber três estrelas por empreendimentos próprios. Smyth já foi guardiã das três estrelas do Restaurant Gordon Ramsay, onde atuou como chef principal.

“Estou pensando em todas as mulheres que trabalham na cozinha e quero contar a elas o que é possível”, disse Darroze ao receber o prêmio durante um evento online. “Acredite em si mesma e tudo pode acontecer.”

Nascida na França, Darroze abriu seu restaurante no hotel Connaught em 2008. Seu outro estabelecimento, em Paris, detém duas estrelas. Smyth foi treinada por Gordon Ramsay e Alain Ducasse, mas saiu do Ramsay para abrir o Core em 2017.

Outro prêmio notável foi a atribuição de uma segunda estrela Michelin ao A. Wong, que se tornou o primeiro restaurante chinês no Reino Unido a ter duas estrelas. Da Terra e Restaurant Story, ambos localizados em Londres, também foram novos ganhadores de duas estrelas Michelin. Dezessete restaurantes foram premiados com novas estrelas únicas. A nova estrela verde foi atribuída a 23 restaurantes, premiados pela abordagem sustentável à gastronomia.

O Guia Michelin Grã-Bretanha e Irlanda está sendo publicado enquanto os restaurantes do Reino Unido estão fechados devido à pandemia do coronavírus.

“Por que então estamos lançando um guia e atribuindo estrelas?”, questionou a Michelin em comunicado. “Queremos promover o setor o máximo que pudermos. Queremos celebrar os tantos restaurantes incríveis da Grã-Bretanha e Irlanda e todos os chefs e donos de restaurantes de imenso talento. Queremos colocar nosso setor em evidência.”

A Michelin também anunciou 16 novos prêmios Bib Gourmand, sete deles para estabelecimentos de Londres. Foram listados 126 restaurantes Bib Gourmand no novo guia, reconhecidos por oferecerem boa comida a preço competitivo.

Três estrelas são dadas à “cozinha excepcional, que vale uma jornada especial”, afirma a Michelin. “Nosso maior prêmio é dado à culinária superlativa de chefs no auge de sua profissão.” Duas estrelas representam “excelente cozinha, que faz um desvio valer a pena”. Uma estrela vai para “cozinha de alta qualidade, que vale uma parada”.

A Bib Gourmand é uma categoria separada do prêmio para restaurantes baratos e com boa relação custo-benefício.

A fabricante francesa de pneus produziu seu primeiro guia em 1900. Foi gratuito até 1920 e destinado a motoristas. O guia continha informações práticas, incluindo mapas de ruas e dicas para consertar pneus.

For more articles like this, please visit us at bloomberg.com

Subscribe now to stay ahead with the most trusted business news source.

©2021 Bloomberg L.P.