Mercado fechado

Duas mulheres desfilam de biquíni em carro conversível pelo Leblon e causam confusão

Paolla Serra
·1 minuto de leitura

Um desfile de duas mulheres de biquíni em um carro conversível, no Leblon, na Zona Sul do Rio, acabou em briga, na noite desta sexta-feira (25). As jovens estavam dentro de um Peugeot, dirigido por um homem, e se beijavam, quando o trânsito parou na Rua Dias Ferreira. Sentada na mesa do restaurante Togu, uma arquiteta atirou garrafas d’água dentro do veículo. Uma das moças então desceu e revidou com socos contra ela. Vídeos do episódio viralizaram nas redes sociais.

Nas imagens, é possível ver que o motorista e as duas mulheres dançam dentro do carro. Em um momento, a que está no banco de trás percebe que uma garrafa a atingiu nas costas. Ela então reclama e um segundo objeto lhe é jogado. Ao descer do veículo, ela se dirige à mesa do restaurante e agride a arquiteta responsável pelos arremessos. Um homem que estava na mesma mesa levanta e arranca a parte de cima do biquini da moça. O carro então vai embora.

Neste sábado, Aline Cristina Araújo Silva disse em redes sociais que estava no restaurante com duas crianças além de pessoas mais velhas. A arquiteta explicou que, por volta de 20h, presenciou as cenas de “atentado ao pudor” e ficou incomodada, tendo jogado água para “apagar o fogo” do trio que estava no conversível.

“Nós vivemos em uma sociedade e temos que ter respeito pelo outro”, disse ela, que completou: “Os três estavam fazendo preliminares, parecendo um filme pornô bem ali na nossa frente, de camarote”, narrou, afirmando ainda que o fato estava sendo repudiado com xingamentos por “toda a rua”.

O EXTRA tentou entrar em contato com Aline e com o dono do veículo, mas até o momento não obteve retorno.