Mercado fechará em 5 h 54 min
  • BOVESPA

    120.824,06
    +903,45 (+0,75%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.385,59
    +450,68 (+0,92%)
     
  • PETROLEO CRU

    64,92
    +0,21 (+0,32%)
     
  • OURO

    1.837,60
    +21,90 (+1,21%)
     
  • BTC-USD

    57.101,27
    -129,68 (-0,23%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.486,25
    +50,47 (+3,51%)
     
  • S&P500

    4.225,79
    +24,17 (+0,58%)
     
  • DOW JONES

    34.655,73
    +107,20 (+0,31%)
     
  • FTSE

    7.132,20
    +56,03 (+0,79%)
     
  • HANG SENG

    28.610,65
    -26,81 (-0,09%)
     
  • NIKKEI

    29.357,82
    +26,45 (+0,09%)
     
  • NASDAQ

    13.720,00
    +122,25 (+0,90%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3379
    -0,0287 (-0,45%)
     

Drone DJI Mini 2 recebe atualização que corrige bug na bateria

Paulo Amaral
·2 minuto de leitura
Drone DJI Mini 2 recebe atualização que corrige bug na bateria
Drone DJI Mini 2 recebe atualização que corrige bug na bateria

A DJI, a maior fabricante de drones do mundo, confirmou que o Mini 2, lançado em novembro do ano passado, apresentava um bug na bateria, mas que o problema será corrigido por meio de uma atualização de firmware. O pronunciamento da empresa surgiu depois que o canal de YouTube chamado Ian in London postou um vídeo relatando reclamações sobre a descarga da bateria e a diminuição da vida útil nos casos em que o drone fica por longos períodos sem ser utilizado.

Como boa parte das baterias de LiPo (polímero de lítio), as utilizadas no DJI Mini 2 precisam ser descarregadas de maneira lenta quando são deixadas com carga total no drone ou no carregador. Desta forma, caso o usuário fique um bom tempo sem utilizar o equipamento, a vida útil será prolongada e não haverá maiores problemas. E isso não estava acontecendo.

Imagem mostra DJI Mini 2, lançado em novembro, e que receberá atualização para corrigir problema na bateria
Imagem mostra DJI Mini 2, lançado em novembro, e que receberá atualização para corrigir problema na bateria

Em contato com o Tech Radar, um porta-voz da empresa explicou que, ao contrário da maioria dos drones, que iniciam a descarga automática das baterias quando elas estão no próprio dispositivo ou no hub de carregamento, as do DJI Mini 2 “usam uma quantidade mínima de carga para manter funções vitais e não iniciam a descarga automática”. Agora, com a atualização do firmware, o sistema “iniciará a descarga automática quando a bateria estiver no drone ou no centro de carregamento e não tiver sido usada recentemente”.

Conselho geral

Independentemente da atualização de firmware, a DJI ressaltou que há um conselho que pode ser utilizado não somente pelos donos do Mini 2, mas também de outros modelos de drone da marca, que já contam com a atualização mais recente do recurso voltado para a bateria. Segundo a empresa, se a intenção é deixar o “brinquedo” parado por muito tempo, o ideal é que as baterias sejam guardadas fora do drone ou do hub de carregamento.

A empresa não confirmou até o momento a data exata da liberação da atualização que resolverá o esgotamento da bateria do DJI Mini 2. Portanto, se você é dono do drone que segue à venda no site oficial da fabricante e custa a partir de US$ 449 (R$ 2.427, na conversão direta, no Brasil o drone importado custa mais de R$ 5.000), o ideal é lembrar sempre de retirar a bateria e guardar o acessório separadamente para não prejudicar a vida útil e garantir o bom funcionamento por um longo tempo.

Via The Verge