Dow Jones Industrial fecha em leve alta de 0,03%

Nova York, 9 nov (EFE).- O Dow Jones Industrial, principal indicador de Wall Street, fechou nesta sexta-feira em alta marginal de 4,07 pontos (0,03%), aos 12.815,39, em uma jornada volátil marcada pelas negociações nos Estados Unidos para evitar o chamado "precipício fiscal".

Já o seletivo S&P 500 subiu 0,17%, até 1.379,85, e o índice composto do mercado Nasdaq 0,32% para 2.904,87.

Após um começo indeciso, o pregão nova-iorquino cobriu-se de verde graças à alta da confiança dos consumidores dos EUA até seu nível mais alto em cinco anos.

No entanto, Wall Street perdeu esse rumo depois que o presidente dos EUA, Barack Obama, e o líder dos republicanos na Câmara dos Representantes, John Boehner, falassem sobre suas posturas para evitar o "precipício fiscal", que seguem distanciadas pelo desacordo em torno do aumento de impostos aos mais ricos.

Por outro lado, o Dow Jones também se viu pressionado em baixa pela queda de 5,96% que sofreu o grupo Disney um dia após anunciar que fechou seu ano fiscal com um lucro líquido de US$ 5,682 bilhões, mas suas receitas não atingiram as expectativas.

Outras 11 companhias desse índice acabaram em baixa, enquanto o lado positivo foi liderado pela aeronáutica Boeing (3,2%), o fabricante de maquinaria pesada Caterpillar (1,54 %) e a operadora de telefonia AT&T (1,02%).

Fora desse índice, o site de descontos Groupon desabou 29,59% e a cadeia de varejo J.C Penny outro 4,84% depois que ambos decepcionassem os investidores com seus respectivos resultados empresariais.

Em outros mercados, o petróleo do Texas subiu para US$ 86,07 por barril, o ouro ascendeu até US$ 1.730,9 a onça, o dólar ganhava terreno perante o euro (cotado a U$ 1,2714) e a rentabilidade da dívida pública americana a dez anos recuava para 1,61%. EFE

Carregando...