Dow Jones fecha em baixa de 0,69%

Nova York, 27 nov (EFE).- O índice Dow Jones Industrial, o principal de Wall Street, fechou nesta terça-feira em baixa de 0,69%, afetado ainda pelos temores do chamado "abismo fiscal".

Esse indicador, que reúne 30 das maiores empresas americanas, perdeu 89,24 pontos, para 12.878,13. Já o índice seletivo S&P 500 caiu 0,52%, até 1.398,94, enquanto o indicador da bolsa eletrônica Nasdaq recuou 0,3% para 2.967,79.

O pregão nova-iorquino entrou em terreno negativo na reta final depois que o líder da maioria democrata do Senado dos Estados Unidos, Harry Reid, disse estar decepcionado pela falta de progressos nas negociações para evitar o "abismo fiscal".

Essas palavras influíram mais sobre o rumo do dia que as animadoras notícias sobre a economia americana conhecidas hoje, como a sexta alta consecutiva dos preços dos imóveis em setembro ou o avanço neste mês da confiança dos consumidores até seu nível mais alto em quase cinco anos.

Mais de dois terços dos componentes do Dow Jones acabaram o pregão em terreno negativo, liderados por Hewlett-Packard (-2,98%), American Express (-2,24%), Bank of America (-1,78%), United Health (-1,76%), Chevron (-1,53%) e Exxon Mobil (-1,43%).

O lado positivo desse índice foi puxado pela Boeing com uma leve alta de 0,3%, seguida pela 3M e pela Cisco (0,24% em ambos casos).

Em outros mercados, o petróleo do Texas caiu para US$ 87,18 por barril, o ouro baixou até US$ 1.742,3 a onça, o dólar ganhava terreno perante o euro (cotado a US$ 1,2939) e a rentabilidade da dívida pública americana a dez anos retrocedia para 1,64%. EFE

Carregando...